mercado de pagamentos

Descubra as últimas tendências no mercado de pagamentos. Aprenda como inovações podem otimizar suas transações financeiras.

Finanças
  • Os melhores bancos digitais oferecem contas correntes sem tarifas, cartões de crédito e débito e se destacam por serviços que visam a satisfação do cliente e eficiência na usabilidade.
  • Contas digitais gratuitas propiciam não somente economia com a ausência de tarifas bancárias, mas agregam valor com serviços como Pix gratuito e rendimentos superiores à poupança.
  • A segurança é uma prioridade para bancos digitais, que empregam medidas como biometria e criptografia de dados para proteger as transações dos usuários, e estão sob a regulamentação e supervisão do Banco Central do Brasil.

Melhor banco digital: confira os destaques

O universo dos bancos e contas digitais é vasto, mas alguns se destacam por continuarem inovando nos melhores serviços aos seus clientes, como a InfinitePay, a primeira no Brasil a lançar a tecnologia Tap to Pay — que transforma seu celular em maquininha de cartão.

As contas digitais gratuitas também atraem muitos brasileiros que buscam alternativas econômicas aos bancos tradicionais: elas estão redefinindo expectativas e oferecendo mais do que apenas ausência de tarifas.

Separamos alguns dos bancos e contas digitais mais famosos em 2024 para você conferir:

InfinitePay

A InfinitePay oferece uma conta inteligente que rende automaticamente 100% o CDI e fornece cartão de crédito virtual gratuito com cashback de 1,5%.

Além de não cobrar taxas de manutenção mensais, a InfinitePay oferece emissão de boleto, link de pagamento e Pix gratuito e ilimitado, e conta também com uma ferramenta de gestão de cobrança 100% gratuita. 

Banco laranja e branco

Com zero tarifas de manutenção e a oferta de até quatro saques gratuitos por mês, ele se destaca como uma opção econômica e conveniente.

Além disso, o banco oferece transferências gratuitas e ilimitadas via Pix e TED, cartões de crédito sem anuidade e empréstimos pessoais.

Banco roxo

Sua conta digital gratuita se destaca pelo rendimento automático, que oferece uma taxa superior à da poupança, tornando-se uma opção atrativa para guardar e aumentar suas economias.

Além do novo formato de rendimento (100% do CDI sobre novos depósitos que permaneçam na conta por mais de 30 dias), a plataforma é notável pela facilidade de uso e pelos cartões de crédito com cashback e possibilidade de acesso a salas VIP em aeroportos.

Banco preto e branco

Com seu programa de pontos, cada compra realizada com o cartão acumula pontos convertíveis em uma gama de serviços ou produtos.

A instituição ainda oferece uma tag de pedágio gratuita que pode ser vinculada à sua conta, evitando tarifas adicionais e otimizando sua experiência no trânsito.

Além disso, o banco não se limita apenas a contas para pessoa física, oferecendo também opções de investimentos e linha de crédito para pessoas jurídicas.

Banco amarelo

Conta digital gratuita com foco em simplicidade e acessibilidade. 

Suas principais características incluem ausência de taxas de manutenção, transferências como Pix e TED gratuitas e saques gratuitos. 

Além disso, oferece um cartão de crédito internacional sem anuidade, com programa de recompensas. 

Banco azul, amarelo e verde

Suas principais características incluem isenção de taxas de manutenção e transferências ilimitadas e gratuitas.

Além disso, oferece um cartão de crédito internacional sem anuidade, empréstimos pessoais, e uma plataforma de investimentos. 

Os clientes têm acesso a programas de cashback e rendimento automático de 100% do CDI para o saldo em conta.

Banco azul-claro e branco

Oferece ausência de taxas de manutenção e transferências ilimitadas e gratuitas via Pix. 

Suas principais características são o cartão de crédito sem anuidade, empréstimos consignados, financiamento de veículos e uma plataforma de investimentos diversificada. 

Além disso, o banco oferece programas de cashback e descontos exclusivos para clientes.

Banco verde

Oferece uma conta digital com planos que variam de gratuito a premium, destacando-se pela isenção de taxas de manutenção em um de seus planos. 

Suas principais características incluem transferências ilimitadas e gratuitas, saques gratuitos e um cartão de crédito sem anuidade. 

Além disso, o banco proporciona benefícios adicionais como descontos em parceiros, além de um assistente virtual para suporte aos clientes.

Considere uma instituição financeira sem tarifas

Ninguém gosta de pagar mais do que o necessário, especialmente quando se trata de serviços bancários — por isso, entender como evitar taxas e tarifas é essencial ao usar bancos e contas digitais. 

Instituições como o banco verde e a InfinitePay oferecem alternativas atraentes nesse sentido, com serviços gratuitos e ilimitados.

  • O banco verde, por exemplo, disponibiliza saques e transferências ilimitados e sem custos, uma vantagem importante para quem realiza muitas transações. 
  • Já a InfinitePay, além de oferecer transferências gratuitas, inclui link de pagamento para vendas online e Pix grátis e ilimitado para diversos perfis de clientes.

Embora muitos bancos digitais ofereçam serviços como abertura e manutenção de conta e emissão de boletos gratuitamente, alguns ainda podem cobrar por serviços específicos, como saques em caixas eletrônicos. 

Portanto, esteja atento às condições de cada banco e escolha aquele que melhor se adapta às suas necessidades financeiras e hábitos de consumo.

Qual é o melhor cartão de crédito em 2024?

Os cartões de crédito são ferramentas poderosas de gestão financeira e podem oferecer uma série de vantagens.

Ao buscar um cartão de crédito, analise as opções disponíveis nos melhores bancos digitais e considere não apenas a isenção de anuidade, mas também outros benefícios que possam fazer sentido para sua saúde financeira, como cashback e programas de pontos.

Algumas instituições financeiras possuem propostas atraentes de conteúdos que merecem atenção:

  • O cartão black do banco roxo, por exemplo, oferece 1% de cashback em todas as compras, além de acesso a salas VIP.
  • O banco laranja e branco e o banco preto e branco oferecem cartões sem anuidade com possibilidade de acumular cashback. 
  • E a InfinitePay vai além, com um cartão de crédito virtual e gratuito que dá 1,5% de cashback instantâneo.

Confira, a seguir, as condições de cashback de outras instituições financeiras populares:

Instituição Cartão de crédito
InfinitePay gratuito com 1,5% de cashback
Banco preto e branco gratuito com até 0,8% de cashback
Banco laranja e branco gratuito com 1% de cashback
Banco verde gratuito
Banco roxo gratuito com 1% de cashback
Banco azul, amarelo e verde gratuito com 1% de cashback
Banco azul-claro e branco gratuito
Banco amarelo gratuito

Bancos com rendimento da conta

Entre as inovações mais atrativas na forma de gerenciar dinheiro atualmente, estão as contas digitais que oferecem rendimento automático do saldo na conta, uma vantagem significativa em relação aos bancos tradicionais.

A seguir, destacamos algumas das contas digitais mais vantajosas em termos de rendimento.

1. InfinitePay

A InfinitePay também é uma opção atrativa em termos de rendimento, que oferece um rendimento de 100% do CDI para o saldo em conta. 

Este rendimento é automático e começa a partir do 31º dia após o dinheiro entrar na conta. 

2. Banco roxo

O banco roxo oferece rendimento automático para os valores depositados na conta. 

O saldo rende a uma taxa de aproximadamente 100% do CDI (Certificado de Depósito Interbancário) para valores que permanecem na conta por mais de 30 dias. 

3. Banco laranja e branco

O banco laranja e branco também oferece uma conta digital que se destaca pelo rendimento automático. 

O saldo que permanece na conta rende 100% do CDI a partir do primeiro dia útil após o depósito. 

4. Banco preto e branco

O banco preto e branco proporciona rendimento automático de 100% do CDI para o saldo em conta sem a necessidade de aplicações em CDBs ou outros produtos financeiros.

Na tabela a seguir, você pode conferir o rendimento em conta de algumas das contas e bancos digitais mais populares de 2024:

Instituição Rendimento em conta
InfinitePay 100% do CDI
Banco preto e branco 100% do CDI
Banco laranja e branco 100% do CDI
Banco verde não possui
Banco roxo 100% do CDI
Banco azul, amarelo e verde 100% do CDI
Banco azul-claro e branco não possui
Banco amarelo 100% do CDI

Leia também: Qual conta digital rende mais?

Descubra o melhor banco digital para você

Ao escolher um banco digital, você deve optar por conveniência e eficiência e entender que cada instituição oferece um conjunto único de serviços, tarifas e vantagens.

E para saber qual é o melhor banco digital para você, é importante que a instituição escolhida esteja alinhada com suas necessidades e estilo de vida.

Normalmente, os melhores bancos digitais são aqueles que proporcionam:

  • Uma conta sem tarifas ou taxas ocultas
  • Cartões de crédito e débito que atendem às suas demandas
  • Oferta de saques gratuitos por mês
  • Facilidade na abertura de conta
  • Opções de investimentos

É importante considerar esses aspectos ao escolher um banco digital.

A InfinitePay, o banco roxo e o banco laranja e branco, por exemplo, destacam-se pelo rendimento automático e pela isenção de tarifas. 

Além disso, a conta digital gratuita se tornou um grande atrativo, pois elimina as tarifas de manutenção, característica comum nos bancos tradicionais.

Aplicativos para públicos específicos

O mercado de bancos digitais é vasto e diversificado, oferecendo contas e serviços para diferentes perfis de clientes.

Seja para idosos, empreendedores ou jovens, há um banco digital que atende às necessidades específicas de cada público.

InfinitePay

Os empreendedores individuais e pequenos empresários são contemplados com serviços da InfinitePay, incluindo maquininha de cartão com taxas a partir de 0,75%. 

Além disso, a InfinitePay inova ao oferecer a InfiniteTap, uma tecnologia que transforma o celular em maquininha, facilitando o recebimento de pagamentos.

Banco amarelo 

Oferece uma conta com rendimento de 100% do CDI e outros bancos digitais como o banco laranja e branco e o banco verde oferecem contas específicas para menores de 18 anos e disponibilizam materiais educativos para auxiliar na gestão das finanças pessoais.

Banco verde 

Conta com um aplicativo fácil de usar e com foco em uma experiência personalizada e, além do atendimento por chat e telefone, é possível ser atendido também em agências físicas do Bradesco, sendo uma ótima opção para a terceira idade.

Banco com o melhor atendimento ao cliente

A satisfação do cliente vai além das funcionalidades oferecidas: o atendimento é um aspecto crucial na avaliação da qualidade de uma instituição financeira.

Canais de atendimento como chat, e-mail e telefone devem estar disponíveis e ser eficientes para solucionar as demandas dos usuários rapidamente.

A reputação de um banco ou conta digital no Reclame Aqui, por exemplo, pode ser um bom termômetro para medir a satisfação dos clientes.

A InfinitePay se destaca com a melhor nota no Reclame Aqui entre as empresas de soluções de pagamento, evidenciando a excelência do atendimento ao cliente.

Instituição Nota no Reclame Aqui
InfinitePay 9.1
Banco azul, amarelo e verde 8.5
Banco roxo 8.3
Banco verde 8.2
Banco laranja e branco 7.8
Banco amarelo 7.6
Banco azul-claro e branco 7.5
Banco preto e branco 6.9

Ao escolher um banco ou conta digital, não se esqueça de considerar a experiência do usuário e a qualidade do atendimento, fatores decisivos para uma relação duradoura e satisfatória com a instituição financeira.

InfiniteBank: melhor instituição financeira para empreendedores

O InfiniteBank é a carteira digital da InfinitePay.

Com uma variedade de serviços pensados para facilitar a gestão de negócios, ela se destaca como a melhor conta digital para quem está à frente de uma empresa, independente do tamanho.

Com rendimento da conta em 100% do CDI, o InfiniteBank é uma ferramenta inteligente que faz seu dinheiro trabalhar para você.

A gestão de vendas e cobranças é simplificada com relatórios completos e automatização das notificações de cobrança, liberando tempo para que os empreendedores se concentrem em outras áreas do negócio.

Além disso, a InfinitePay oferece:

  • Cartão de crédito virtual com 1,5% de cashback instantâneo
  • Link de pagamento para vendas online, facilitando o processo de vendas
  • Pix grátis e ilimitado para CPF, CNPJ e MEI

Com ferramentas inovadoras e serviços financeiros voltados para o crescimento do seu negócio, a InfinitePay é a escolha certa para empreendedores que buscam uma conta digital que entenda e atenda às necessidades específicas do seu negócio.

Perguntas frequentes

Pagamentos

Com o avanço constante das tecnologias financeiras e a busca por soluções mais eficientes e seguras, o boleto bancário continua sendo uma forma popular de pagamento no Brasil.

Em 2024, o debate sobre o uso de boletos registrados contra não registrados permanece relevante. Enquanto os boletos registrados oferecem maior controle e segurança tanto para emissores quanto para pagadores, os boletos não registrados ainda são amplamente utilizados devido à sua simplicidade e menor custo operacional.

Neste artigo, exploraremos as vantagens e desvantagens do boleto não registrado, ajudando você a entender melhor quando e por que optar por essa modalidade de pagamento.

  • A extinção do boleto não registrado ocorreu devido à alta incidência de fraudes, que geravam perdas significativas, e à necessidade de maior segurança e padronização nas transações bancárias.
  • Boletos registrados proporcionam maior segurança, com autenticação de dados rigorosa, e permitem o protesto de dívidas, oferecendo uma estratégia eficaz para a recuperação de créditos.
  • Alternativas como o Pix, transferências bancárias e cartões de crédito ou débito emergem como opções viáveis diante do fim dos boletos não registrados, cada uma com suas próprias vantagens em termos de custo, conveniência e segurança.

O que é boleto não registrado?

O boleto não registrado não exigia que as informações do pagamento fossem compartilhadas com as instituições financeiras antes de sua efetivação. Sem a necessidade de transferir dados como os do comprador, o valor e a data de vencimento, os boletos sem registro ofereciam uma liberdade quase lírica para pagadores e emissores.

Além disso, sua flexibilidade era notável, pois permitia que fosse pago em qualquer banco, não se prendendo à instituição emissora. 

Antes de 2018, esses boletos eram a escolha de muitas empresas graças a seu menor custo de emissão e facilidade de uso. 

No entanto, uma sombra pairava sobre essa liberdade: a falta de segurança e controle, que impossibilitava protestar pagamentos não realizados.

Motivos para a extinção do boleto não registrado

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) ergueu a bandeira da mudança frente aos crescentes riscos apresentados pelos boletos sem registro. 

Fraudes cada vez mais sofisticadas minavam a confiança do sistema, gerando perdas milionárias de aproximadamente 383 milhões de reais em 2016. 

A falta de verificação e autenticidade dos boletos não registrados transformava-os em alvos fáceis para golpistas.

Visando uma padronização e aumento da segurança nas transações, a Febraban, uma importante instituição bancária, tomou a decisão de descontinuar essa modalidade de cobrança. 

A mudança, oficializada em 2013, foi implementada gradualmente, culminando em novembro de 2018 com a inclusão de todos os valores de cobrança. 

A nova normativa alterou a paisagem bancária, que antes via cerca de 40% dos boletos anuais emitidos sem registro, e trouxe consigo uma promessa de redução das perdas financeiras.

Vantagens do boleto registrado

A transição dos boletos não registrados para os registrados trouxe uma série de benefícios, incluindo:

  • Simplificação da gestão de cobranças
  • Redução da inadimplência
  • Aprimoramento da confiabilidade do sistema de pagamentos
  • Abertura de caminhos para novas tecnologias e práticas financeiras.

A seguir, exploraremos as principais vantagens do boleto registrado.

Redução de fraudes

A implementação de boletos registrados foi um golpe contra as fraudes financeiras. Cada boleto gerado nesse formato é único e rastreável, tornando qualquer tentativa de fraude um desafio considerável. 

Com a necessidade de informações validadas e o controle rígido sobre os dados, os emissores e pagadores desfrutam de uma camada extra de segurança que protege seus recursos.

Protesto de dívidas

Uma das maiores desvantagens dos boletos não registrados era a impossibilidade de protesto em caso de inadimplência. 

Os boletos registrados, por sua vez, são repletos de detalhes que viabilizam o protesto de dívidas, oferecendo um mecanismo eficaz para a cobrança extrajudicial.

Essa capacidade de realizar o protesto em cartório e a possibilidade de o banco intervir na cobrança aumentam a segurança do emissor e elevam as chances de recuperação de créditos.

Débito automático

Além de oferecer segurança e eficiência, os boletos registrados podem ser configurados para débito automático, proporcionando uma comodidade inquestionável ao consumidor. Com essa funcionalidade, as empresas minimizam as chances de inadimplência, uma vez que os pagamentos são realizados de forma automática, eliminando a possibilidade de atrasos por esquecimento.

Alternativas ao boleto não registrado

Com o declínio dos boletos não registrados, diversas alternativas surgiram para preencher o vácuo deixado. Estas incluem inovações como o Pix, transferências bancárias e a utilização de cartões de crédito e débito, que oferecem diferentes vantagens e adaptam-se a uma variedade de necessidades dos consumidores.

Analisaremos algumas dessas opções.

Pix

O Pix, lançado pelo Banco Central em 2020, revolucionou o mercado de pagamentos. Oferecendo transferências eletrônicas 24/7 e sem custos para pessoas físicas, o Pix se estabeleceu como uma alternativa ágil e econômica.

Com a possibilidade de vincular uma chave a um número de celular, CPF, CNPJ ou e-mail, os pagamentos tornaram-se mais simples e rápidos, beneficiando tanto consumidores quanto empresas. O contato facilitado por meio dessas chaves agiliza as transações.

Leia mais: 

Cartões de crédito e débito

Os cartões de crédito e débito são alternativas amplamente aceitas e práticas para consumidores e lojas virtuais. Os pagamentos com cartão oferecem a conveniência do parcelamento e, no caso dos débitos, a certeza do débito imediato, que ajuda na gestão do controle financeiro. Apesar de algumas taxas associadas a essas transações, os cartões continuam sendo uma opção segura e confiável.

Leia mais: 

Como emitir boletos registrados gratuitamente?

Emita boletos ilimitados gratuitamente e receba em até 3 dias úteis com a InfinitePay. Sem taxas ou custos fixos, você pode gerar quantos boletos precisar, diretamente do seu celular ou computador. Notificações automáticas garantem que seus clientes não esqueçam dos pagamentos.

Pagamentos

Plataformas de pagamentos online se tornaram ferramentas essenciais para o sucesso de qualquer negócio.

Elas facilitam as transações financeiras entre lojas virtuais e seus clientes, proporcionando uma experiência de compra segura, conveniente e eficiente.

  • O que são plataformas de pagamentos e como elas funcionam: explore o papel que essas plataformas desempenham no processamento de pagamentos online e na mediação entre lojas virtuais, clientes e instituições financeiras.
  • Vantagens de implementar uma plataforma de pagamentos: descubra como essas soluções podem otimizar a gestão financeira do seu negócio, reduzindo a inadimplência, aprimorando o fluxo de caixa e simplificando os processos financeiros.
  • Características essenciais: aprenda os principais pontos a serem considerados ao escolher a plataforma ideal para o seu negócio, incluindo variedade de métodos de pagamento, segurança, checkout transparente, facilidade de conciliação e antecipação de recebíveis.
  • Escolhendo a melhor plataforma: explore as opções disponíveis no mercado e identifique a plataforma que melhor atende às suas necessidades e oferece a seus clientes a melhor experiência de compra.

O que é e como funciona uma plataforma de pagamentos?

Plataformas de pagamentos online são tecnologias essenciais que facilitam as transações financeiras entre a loja virtual e os agentes do sistema de pagamentos, como as bandeiras de cartões.

Elas permitem que as lojas virtuais aceitem pagamentos de forma segura e eficiente, mediando a interação entre todas as partes envolvidas.

Esses sistemas devem oferecer uma variedade de métodos de pagamento para atender às preferências dos consumidores.

A diversidade de opções é crucial para garantir que o cliente finalize a compra com um método que seja conveniente e acessível.

Se a loja não oferece a forma de pagamento desejada, há um grande risco de perder a venda, independentemente de todos os outros esforços de marketing e vendas.

Assim, ao escolher uma plataforma de pagamento para o seu negócio, é fundamental considerar as formas de pagamento mais populares e indispensáveis no mercado brasileiro.

Vantagens de implementar uma plataforma de pagamentos

Implementar uma plataforma de pagamentos pode ser um divisor de águas para o seu negócio, especialmente em termos de gestão financeira. Uma das principais vantagens é a redução da inadimplência.

Com sistemas de cobrança automatizados, que possuem lembretes por e-mail e WhatsApp, você garante que os clientes sejam notificados sobre seus débitos, diminuindo significativamente os atrasos e as faltas de pagamento.

Além disso, essas plataformas oferecem melhorias no fluxo de caixa. Opções de antecipação de recebíveis, como o recebimento na hora ou em até um dia útil que a gestão de cobranças gratuita da InfinitePay oferece, permitem que você tenha acesso aos seus fundos de forma mais ágil.

Isso é essencial para manter a saúde financeira do seu negócio, permitindo a gestão eficiente de despesas e investimentos.

Por fim, a automação de processos financeiros simplifica a conciliação de pagamentos e a geração de relatórios detalhados, facilitando o monitoramento das transações e a tomada de decisões estratégicas.

Com essas ferramentas, você pode focar mais no crescimento do seu negócio e menos nas complicações financeiras.

O que não pode faltar em uma plataforma? 

Escolher a plataforma de pagamento online ideal é uma decisão crucial para o sucesso do seu e-commerce.

Com tantas opções no mercado, é essencial avaliar diversos aspectos para garantir que a solução escolhida atenda às necessidades do seu negócio e proporcione uma experiência de compra segura e satisfatória para os clientes.

Aqui estão os principais pontos a serem considerados:

1. Variedade de formas de pagamento

Opte por plataformas que ofereçam uma ampla gama de opções de pagamento, incluindo cartões de crédito e débito, boleto bancário e Pix.

Isso garante que os clientes escolham o método mais conveniente para eles, aumentando as chances de conversão.

2. Segurança e sistema antifraude

A segurança é fundamental para proteger tanto a sua loja quanto os seus clientes contra fraudes. 

Escolha uma plataforma que tenha um sistema antifraude robusto, utilizando inteligência artificial e big data para identificar e bloquear transações suspeitas. Isso ajuda a minimizar perdas por chargebacks e mantém a reputação da loja intacta.

3. Checkout transparente

O processo de checkout é um momento crítico na jornada de compra do cliente. Um checkout transparente, que permite concluir a compra sem sair do site, aumenta a confiança do cliente e reduz a taxa de abandono de carrinho.

Plataformas que oferecem essa funcionalidade proporcionam uma experiência de compra mais fluida e segura.

4. Facilidade de conciliação e antecipação de recebíveis

Uma boa plataforma deve facilitar a conciliação de pagamentos, permitindo que você acompanhe todas as transações sem complicações.

Além disso, a antecipação de recebíveis é uma funcionalidade útil para melhorar o fluxo de caixa, mas certifique-se de que essa opção não seja compulsória e que as taxas associadas sejam transparentes e justas.

Qual a melhor plataforma de pagamentos? 

A InfinitePay se destaca como uma das melhores opções no mercado de pagamentos online, oferecendo uma gestão de cobranças completa e gratuita.

Nossa gestão de cobranças gratuita possui flexibilidade de pagamento, permitindo que os clientes escolham entre Pix e boleto sem taxas ou cartão de crédito com taxa a partir de 3,15% e parcelamento em até 12 vezes.

A opção de recebimento rápido, disponível na hora ou em até um dia útil, também melhora significativamente o fluxo de caixa.

Relatórios detalhados ajudam a monitorar as vendas e gerenciar as pendências financeiras, facilitando a gestão do seu negócio.

Isso possibilita um melhor processo de compra para seus clientes, aumentando a conveniência e as possibilidades de conversão.

A ferramenta de gestão de cobranças da também automatiza o envio de cobranças por WhatsApp e e-mail, reduzindo a inadimplência e assegurando que os pagamentos sejam recebidos eficientemente.

Pagamentos

A forma como as pessoas pagam por produtos e serviços está mudando rapidamente. Com o uso do escaneie e pague crescendo, o dinheiro em espécie e cartões de crédito estão cada vez menos sendo usados, dando lugar a métodos de pagamento mais convenientes e inovadores, como pagamentos por QR Code Pix e QR Code para pagamento com cartão.

Se você é um empreendedor que está buscando formas de simplificar as transações no seu negócio, o "escaneie e pague" pode ser a solução. 

O que é “escaneie e pague”?

O "escaneie e pague" é uma solução de pagamento que funciona através da leitura de códigos QR, ou QR Code. Seu cliente simplesmente aponta a câmera do celular para o código e realiza o pagamento. Este pode ser feito por Pix,  diretamente no aplicativo do banco, ou  o código  pode direcionar para a finalização de compra de um produto, com a possibilidade de escolher a forma de pagamento que desejar, como funciona num link de pagamento. É uma forma simples, muito rápida e segura de receber suas vendas.

Os pagamentos através do "escaneie e pague" podem ser aplicados em diversos contextos, trazendo agilidade e praticidade para diferentes tipos de negócio. Aqui estão algumas aplicações comuns:

  • Varejo físico: 

Em lojas e quiosques, os clientes podem pagar pelos produtos simplesmente escaneando o QR Code no caixa ou diretamente nos produtos.

  • Delivery e takeaway: 

Oferece uma forma simples de pagar por encomendas feitas para entrega ou retirada, tornando o processo mais rápido.

  • Feiras e eventos: 

Em feiras, exposições e eventos, onde várias pequenas compras são feitas, o "escaneie e pague" agiliza o atendimento e elimina a necessidade de troco.

  • Estacionamentos: 

Pagamento rápido e sem a necessidade de contato em estacionamentos, permitindo que os motoristas saiam rapidamente e agilizem o fluxo de carros local.

  • Transporte público: 

Alguns sistemas de transporte público já utilizam essa tecnologia para pagamentos, tornando as viagens mais convenientes. O MetrôRio e MetroSP, por exemplo, implementaram o uso de QR Codes para a compra de passagens, facilitando o acesso ao transporte sem a necessidade de cartões físicos ou dinheiro em espécie.

  • Doações e caridade: 

Instituições de caridade e organizações sem fins lucrativos podem disponibilizar QR Code para doações instantâneas.

  • Pagamento de serviços: 

Serviços autônomos, como consultorias, passeios ou aulas, podem aceitar pagamentos mais rapidamente através de códigos QR.

  • Self-Checkout: 

Em supermercados ou lojas, permite que os clientes finalizem suas compras de forma autônoma, sem a necessidade de passar por um caixa, podendo finalizar o pagamento via QR Code Pix na maquininha.

  • E-commerce: 

No e-commerce, pode facilitar pagamentos para aqueles que preferem fazer compras no desktop, fornecendo um código QR que pode ser escaneado pelo celular.

Estas são apenas algumas das muitas possibilidades. O escaneie e pague é versátil e pode ser adaptado para atender às necessidades de diferentes setores, simplificando a experiência do cliente e tornando os pagamentos mais rápidos e seguros.

Conheça as vantagens de receber pagamentos via QR Code

Como receber pagamentos por escaneie e pague?

O pagamento pelo sistema "escaneie e pague" é um processo simples e rápido. Ele envolve o uso de QR Code e o uso de celulares, permitindo que as transações sejam concluídas de forma digital. Aqui está um passo a passo de como receber pagamentos via escaneie e pague:

1. Geração do QR Code

  • O comerciante gera um código QR único que está vinculado a uma conta específica ou a um produto/serviço.
  • Esse código pode ser fixo, como o que fica exposto no caixa ou na mesa de um restaurante, ou dinâmico, como os gerados automaticamente em maquininhas ou sistemas de e-commerce para cada compra. Veja abaixo a diferença entre os dois tipos. 
  • No app da InfinitePay, você acessa sua área pix no menu principal e já aparece o QR Code do seu Pix na tela. Também tem a opção de Ler Qr Code, para realizar pagamentos de forma prática e instantânea.

2. Escaneamento do código pelo cliente

  • O cliente utiliza a câmera do celular ou um aplicativo de pagamentos para escanear o QR Code.
  • O código QR direciona o cliente para uma página de pagamento ou aplicativo que já contém as informações da conta ou do produto/serviço.

3. Confirmação do valor e método de pagamento

O cliente confirma o valor e escolhe o método de pagamento, que pode ser cartão de crédito, débito, saldo em conta, ou outras opções oferecidas pelo aplicativo como via Pix.

3. Autorização da transação

Dependendo do método de pagamento escolhido, o cliente pode precisar inserir uma senha ou autenticar a transação por reconhecimento facial, digital, ou outro método seguro.

4. Recebimento da confirmação

O pagamento é processado quase que instantaneamente, e tanto o cliente quanto o comerciante recebem a confirmação da transação.

5. Entrega ou acesso ao produto/serviço:

Após a confirmação do pagamento, o comerciante pode entregar o produto ou conceder acesso ao serviço, dependendo do contexto.

Esse processo proporciona uma experiência rápida, reduzindo filas e tornando os pagamentos mais eficientes para ambos os lados. Além disso, minimiza a necessidade de contato físico, o que pode ser uma vantagem para a saúde e segurança.

Quais são os tipos de pagamentos por escaneie e pague? 

O QR Code pode ser usado de várias maneiras, como facilitar na transferência por Pix, e também funcionar como um checkout para uma compra. Por exemplo, em lojas físicas ou online, um QR Code pode ser gerado para que você escaneie com seu smartphone e seja direcionado para uma página de pagamento, onde você pode finalizar a compra utilizando diversas formas de pagamento, incluindo cartões de crédito, débito, ou mesmo Pix.

Para te ajudar a navegar nesse universo de soluções, vamos detalhar os principais tipos de pagamentos por escaneie e pague disponíveis no mercado:

Pagamento por QR Code estático

Ideal para: Vendas com valor fixo, como produtos em balcões, food trucks ou deliveries.

  • Como funciona:

Um QR Code único é gerado com o valor da venda pré-definido.

O cliente escaneia o código e o valor é automaticamente direcionado para o pagamento, sem necessidade de digitação manual.

  • Exemplo de uso:

Venda de salgadinhos em um food truck: Cada QR Code exibe o valor de um salgadinho (R$5,00, por exemplo). O cliente escolhe quantos deseja, escaneia o código correspondente e paga o valor total da compra.

Pagamento por QR Code dinâmico

Ideal para: Vendas com valor variável, como serviços, produtos personalizados ou lojas físicas com checkout.

  • Como funciona:

Um QR Code único é gerado para cada venda, com o valor definido na hora pelo cliente ou por você.

O cliente escaneia o código, insere o valor da compra e escolhe a forma de pagamento.

  • Exemplo de uso:

Loja de roupas: Na hora de pagar, o cliente escaneia o QR Code gerado pela maquininha na mesa do caixa e paga a conta digitalmente.

Pagamentos por Link de Pagamento:

Ideal para: Cobranças à distância, vendas online ou envio de solicitações de pagamento.

  • Como funciona:

Um link único é gerado para cada venda ou cobrança, contendo as informações da transação.

O cliente recebe o link por SMS, e-mail, WhatsApp ou qualquer outro canal de comunicação e pode acessá-lo para realizar o pagamento através de seu navegador ou aplicativo de banco.

  • Exemplos de uso:

Venda de produtos online: Na finalização da compra, o cliente recebe um link de pagamento para concluir a transação.

Leia mais: 

Pagamentos por QR Code com Pix

Ideal para: Transações instantâneas e seguras, utilizando a plataforma Pix do Banco Central.

  • Como funciona:

Um QR Code único é gerado com as informações da chave Pix do seu negócio.

O cliente escaneia o código e o aplicativo de pagamento automaticamente direciona para a transação via Pix.

  • Exemplos de uso:

Lojas físicas: QR Codes no caixa facilitam pagamentos rápidos para os clientes, utilizando o saldo da conta bancária ou carteira digital.

Você também pode se interessar por: 

Pagamento por escaneie e pague é seguro? 

Os pagamentos e recebimentos via "escaneie e pague" oferecem praticidade e segurança, mas como com qualquer método de pagamento, é importante adotar certas precauções para proteger os negócios e os clientes. Aqui estão alguns cuidados essenciais:

  • Escolha de plataforma confiável:

Utilize apenas plataformas de pagamento conhecidas e confiáveis, que sigam padrões de segurança e privacidade.

Verifique se a plataforma é certificada e regulamentada.

  • Verificação de QR Code:

Confirme que os códigos QR apresentados aos clientes sejam legítimos e correspondam ao seu negócio ou serviço. QR Codes falsificados podem redirecionar os pagamentos para contas fraudulentas.

  • Autenticação Forte:

Garanta que a plataforma de pagamento exija autenticação forte para confirmar transações, como senhas, biometria ou reconhecimento facial. Oriente os clientes a utilizarem autenticação multifatorial quando disponível.

  • Controle de Acesso:

Limite o acesso ao sistema de geração de QR Code para evitar a criação de códigos não autorizados. Atribua níveis de permissão adequados aos funcionários.

  • Monitoramento de Atividade:

Monitore todas as transações para identificar padrões incomuns ou tentativas de fraude.

Notifique imediatamente os clientes e autoridades em caso de suspeita de atividades mal-intencionadas.

  • Educação do Cliente:

Informe os clientes sobre a importância de verificar o valor antes de confirmar o pagamento.

Oriente-os a usar apenas aplicativos oficiais para escanear oQR Code.

  • Atualizações e Manutenção:

Mantenha o software e os sistemas de segurança atualizados para se proteger contra novas ameaças. Faça auditorias regulares no sistema de pagamento para identificar vulnerabilidades.

  • Políticas de Reembolso:

Tenha políticas claras de reembolso em caso de pagamentos incorretos ou não autorizados.

Forneça instruções claras aos clientes para solicitar reembolsos, se necessário.

  • Ambiente Seguro:

Para receber pagamentos em estabelecimentos físicos, mantenha o QR Code em local seguro e protegido contra adulterações. Evite fornecer detalhes sensíveis ou permissões de acesso a terceiros.

Tomando esses cuidados, tanto o comerciante quanto o cliente podem desfrutar dos benefícios dos pagamentos via "escaneie e pague" com mais segurança e confiança.

Como gerar um código escaneie e pague para receber pagamentos via Pix pela InfinitePay

Para simplificar os pagamentos via Pix, você pode imprimir o QR Code da sua conta PJ InfinitePay e colocá-lo na sua loja. Siga estes passos diretamente da sua conta:

  1. Acesse sua conta pela versão web.
  2. Vá para as configurações e seção Pix.
  3. Clique em "Imprimir QR Code".
  4. Escolha o modo de impressão do seu computador e, em poucos passos, você terá o QR Code impresso.
  5. DICA: Distribua pela loja, no caminho do caixa, os QR Codes impressos para agilizar o processo do cliente em realizar o pagamento. 

Com a conta PJ da InfinitePay, você pode receber pagamentos de forma rápida e eficiente, com taxas competitivas e ter uma gestão de cobranças gratuita. Além disso, a conta oferece integração simplificada com diferentes métodos de pagamento, como Pix,cartões, boletos, link de pagamento e soluções para simplificar o gerenciamento do seu negócio, ajudando você a focar no que realmente importa: o crescimento da sua empresa. Baixe o app e crie sua conta em minutos!

Veja como a InfinitePay pode agilizar o seu negócio: 

Pagamentos

A inadimplência representa um desafio constante para pequenos empreendedores, impactando diretamente o fluxo de caixa e a sustentabilidade dos negócios. Nos dias atuais, o cenário se tornou ainda mais desafiador, com índices mais elevados de pagamentos não efetuados. 

Segundo um estudo recente, publicado em janeiro de 2024 pelo Estadão E-Investidor, o valor médio das dívidas dos brasileiros atingiu R$ 1.388,41, um aumento de 12,2% em relação ao ano anterior. A conjuntura econômica, aliada às taxas de juros elevadas e ao crescimento econômico lento, tem comprometido a capacidade dos consumidores de honrar seus compromissos financeiros, refletindo diretamente nas empresas que veem a inadimplência crescer​.

Entenda o que é inadimplência.

Entendendo as principais causas da inadimplência

A inadimplência pode ter diversas origens, desde o esquecimento comum do cliente, até a falta de recursos financeiros para o pagamento do valor em aberto. Identificar o porquê dos clientes não estarem pagando é o primeiro passo para desenvolver estratégias eficazes de cobrança e prevenção. Além disso, compreender as motivações por trás do não pagamento pode ajudar na criação de abordagens personalizadas que sejam mais efetivas em resolver o problema.

13 Dicas de como reduzir a inadimplência de clientes

Para auxiliar os empreendedores a enfrentar esse desafio, compilamos 13 dicas práticas, que podem ser implementadas em negócios de todos os segmentos e tamanhos:

1. Adote uma régua de cobrança

Estabeleça um processo sistemático de lembretes e notificações para os clientes, que contenham datas e mensagens planejadas (por exemplo, um lembrete 3 dias antes do vencimento da cobrança, seguido de um no dia do vencimento, e por aí sucessivamente).

2. Crie automações na sua régua de cobrança 

Ferramentas de automação podem ajudar a gerenciar o processo de cobrança, reduzindo o tempo e o esforço necessários. O principal benefício dessas ferramentas é a minimização de erros humanos e o esquecimento, que são comuns em processos manuais. Além disso, sistemas automatizados podem enviar lembretes e avisos de pagamento aos clientes em intervalos pré-definidos, o que mantém a regularidade e reduz a probabilidade de atrasos nos pagamentos.

3. Incentive os pagamentos no prazo 

Ofereça descontos ou benefícios para pagamentos realizados dentro do prazo. Por exemplo, você pode oferecer um desconto percentual na próxima compra ou reduzir uma porção do saldo devido se o pagamento for realizado até a data de vencimento. Outro método é proporcionar benefícios cumulativos, como pontos em programas de fidelidade que podem ser trocados por produtos, serviços ou até descontos futuros. Implementar esses incentivos traz benefícios para o negócio, aumentando a possibilidade de melhor liquidez e previsibilidade de fluxo de caixa.

4. Mantenha a cordialidade nas cobranças 

A abordagem deve ser firme, mas sempre respeitosa e profissional. Quando se trata de cobrar clientes, a maneira como a mensagem é comunicada pode fazer uma grande diferença na resposta e na preservação do relacionamento. Por exemplo, iniciar a comunicação com uma verificação da satisfação do cliente em relação ao produto ou serviço oferecido pode ser uma maneira gentil de engajar antes de mencionar qualquer débito pendente. Além disso, usar frases como “Gostaríamos de lembrar que o prazo para o pagamento da sua fatura está se aproximando” ou “Por favor, informe-nos se há algum impedimento para a realização do pagamento” pode manter um tom amigável e colaborativo.

Para auxiliar nesse processo, a InfinitePay oferece uma solução gratuita: um conjunto de 68 mensagens de cobrança personalizadas que podem ser utilizadas para diferentes situações e tipos de clientes.

5. Ofereça opções de negociação 

Flexibilize as condições de pagamento quando necessário, oferecendo parcelamentos ou descontos para liquidação à vista.

6. Mantenha o cadastro de clientes atualizado 

Informações precisas e atualizadas facilitam o contato para cobranças. Um cadastro atualizado não apenas facilita a comunicação direta e eficiente em caso de cobranças, mas também permite que o empreendedor adapte suas estratégias de pagamento conforme as necessidades e mudanças na situação do cliente. Utilizar um sistema CRM (Customer Relationship Management) pode automatizar esse processo, garantindo que as informações sejam coletadas e atualizadas regularmente.

7. Avalie o crédito do cliente 

Antes de fechar negócios, faça uma análise de crédito para evitar surpresas futuras. Essa avaliação pode incluir a verificação de históricos de pagamento, scores de crédito e referências comerciais. Empregar políticas de crédito claras ajuda a decidir quando e em que condições oferecer crédito a um cliente, baseado em sua capacidade e histórico de pagamento. Ferramentas de análise de crédito, muitas vezes disponíveis através de instituições financeiras ou agências de crédito, podem proporcionar relatórios detalhados sobre a saúde financeira dos potenciais clientes.

8. Eduque seus clientes 

Informe claramente as políticas de pagamento e as consequências do não cumprimento. Isso pode ser feito através de comunicações claras e transparentes no momento da venda, e reforçadas em faturas e lembretes de pagamento. Além disso, workshops ou webinars sobre gestão financeira e a importância de um bom crédito podem ser úteis, especialmente para clientes recorrentes ou de alto valor.

9. Use tecnologia a seu favor 

Sistemas de cobrança podem otimizar seu tempo e trazer informações importantes sobre o comportamento de pagamento dos clientes.

10. Promova a cultura do pagamento 

Comunique a importância do pagamento em dia como benefício para seu cliente (ter nome limpo facilita acesso a bens como imóveis, por exemplo)

11. Implemente pagamentos recorrentes 

Para serviços contínuos, considere o uso de sistemas de cobrança recorrente, que cobram periodicamente seus clientes.

12. Renegocie dívidas antigas 

Para dívidas mais antigas, ofereça condições especiais de renegociação. Ao oferecer condições especiais de renegociação, as empresas podem incentivar os devedores a saldar suas contas, melhorando o fluxo de caixa e reduzindo a necessidade de ações de cobrança mais agressivas. Descontos para pagamentos antecipados e flexibilização de prazos são algumas opções de renegociação que geralmente trazem bons resultados.

13. Monitore Regularmente a Inadimplência 

Mantenha-se atento às tendências e ajuste as estratégias conforme necessário. Este processo envolve:

  • Análise de dados de pagamento 
    Utilizar software de gestão financeira para analisar o comportamento de pagamento dos clientes e identificar quais estão mais propensos a se tornarem inadimplentes.
  • Revisão periódica das políticas de crédito 
    Com base nos dados coletados, as políticas de crédito devem ser ajustadas para melhor gerenciar o risco de crédito associado a diferentes segmentos de clientes.
  • Feedback contínuo 
    Integração de feedback dos processos de cobrança para entender as razões por trás dos atrasos de pagamento e ajustar as abordagens conforme necessário.

Cada uma dessas dicas pode ser adaptada e personalizada para se adequar às necessidades específicas de cada negócio. A chave é manter uma abordagem proativa e flexível na gestão da inadimplência.

Protegendo seu fluxo de caixa com métodos de pagamento

Além das estratégias mencionadas, a adoção de métodos de pagamento que garantam a entrada de dinheiro, como o Pix à vista e o parcelamento por cartão, pode ser uma estratégia eficaz para mitigar o risco de inadimplência. 

Esses métodos reduzem a janela de tempo entre a compra e o pagamento, diminuindo assim as chances de esquecimento ou de mudança de circunstâncias financeiras do cliente que poderiam levar à inadimplência. 

Gestão de Cobrança da InfinitePay: solução contra a inadimplência

Ferramentas como a gestão de cobrança da InfinitePay oferecem aos empreendedores a possibilidade de automatizar o processo de cobrança, economizando tempo e reduzindo o desgaste com clientes inadimplentes. 

Com ela, é possível:

Os benefícios incluem maior eficiência na recuperação de créditos e a manutenção de um relacionamento saudável com os clientes.

Outras formas de combater a inadimplência

Além das dicas acima, há atitudes de longo prazo que ajudam no combate à inadimplência. Abaixo, listamos algumas delas:

Fortalecimento da relação com o cliente

Uma comunicação clara e constante é crucial para manter uma boa relação com seus clientes. Informar antecipadamente sobre políticas de pagamento e possíveis penalidades por atrasos ajuda a estabelecer expectativas claras. Além disso, entender as circunstâncias individuais dos clientes pode facilitar a adaptação de estratégias de cobrança, criando soluções ganha-ganha que incentivem o pagamento sem prejudicar a relação comercial.

Educação financeira

A promoção da educação financeira é uma ferramenta poderosa para reduzir a inadimplência. Ao fornecer aos seus clientes informações sobre gestão de orçamento, planejamento financeiro e consequências da inadimplência, você os ajuda a tomar decisões mais conscientes. Esse investimento na educação dos consumidores pode levar a um comportamento de pagamento mais responsável, beneficiando tanto os clientes quanto os negócios a longo prazo.

Adaptação às mudanças econômicas

Estar atento às mudanças no ambiente econômico e adaptar suas estratégias de cobrança conforme necessário é fundamental. Em tempos de crise econômica, por exemplo, pode ser benéfico oferecer mais flexibilidade nas opções de pagamento ou renegociação de dívidas. Essa abordagem não apenas ajuda a manter o fluxo de caixa, mas também fortalece a lealdade dos clientes, que percebem o seu negócio como um parceiro em tempos difíceis.

Monitoramento e análise de dados

O uso de dados e análises para monitorar padrões de pagamento e identificar clientes potencialmente inadimplentes antes que os atrasos ocorram pode transformar a gestão de crédito. Ferramentas analíticas permitem prever comportamentos de pagamento, otimizar estratégias de cobrança e personalizar a comunicação com base no histórico de pagamento do cliente.

A inadimplência é um desafio multifacetado que requer uma abordagem estratégica e personalizada. Implementar uma régua de cobrança eficiente, adotar métodos de pagamento que assegurem a liquidez, fomentar uma relação positiva com o cliente, promover a educação financeira e adaptar-se proativamente às mudanças econômicas são estratégias que trazem efeitos positivos à curto, médio e longo prazo.

Pagamentos

Confira neste artigo tudo o que você precisa saber sobre o sinal de pagamento. Entenda seu conceito, as vantagens em cobrá-lo e como tomar decisões conscientes e seguras em suas compras e vendas.

O que é sinal de pagamento?

O sinal de pagamento é uma quantia em dinheiro que o comprador entrega ao vendedor como garantia de que irá concluir a compra de um bem ou serviço. É uma espécie de "pré-pagamento" que demonstra o compromisso do comprador com a negociação.

O sinal tem como objetivo principal proteger ambas as partes:

Para o vendedor 

Garante que ele não perderá tempo e recursos com um cliente que não tem real interesse em comprar o produto ou serviço.

Para o comprador 

Assegura que ele terá o produto ou serviço reservado para ele, evitando que seja vendido para outro cliente.

Dessa forma, o sinal de pagamento se prova uma boa opção especialmente para serviços e para produtos que demandem diversas fases de entrega. Isso porque o sinal força um comprometimento financeiro, reduzindo as chances de desistência no meio do caminho por ambas as partes.

Saiba como gerar link de pagamento para receber sinal.

Como funciona o sinal de pagamento?

A cobrança do sinal se dá através de algumas etapas. Abaixo, listamos o passo a passo de como se dá a cobrança do sinal:

1. Precificação:

O valor do sinal é livremente negociado entre as partes, mas geralmente não ultrapassa 30% do valor total da compra. É importante que o valor seja justo para ambas as partes, levando em consideração o valor do bem ou serviço, o tempo de entrega e os riscos da negociação.

2. Formalização:

É importante que o pagamento do sinal seja formalizado por meio de um contrato escrito, que deve conter:

Dados das partes: nome completo, endereço e telefone.

Descrição do bem ou serviço: características e quantidade.

Valor total da compra: valor do sinal e valor restante a ser pago.

Data de entrega do bem ou serviço: prazo para a finalização da compra.

Forma de pagamento do sinal: dinheiro, cheque, cartão de crédito ou débito, transferência bancária etc.

3. Pagamento do sinal:

O sinal pode ser pago à vista ou parcelado, de acordo com a negociação entre as partes. É importante que o comprador guarde o comprovante de pagamento para sua segurança.

4. Entrega do bem ou serviço:

O vendedor deve entregar o bem ou serviço na data acordada e nas condições descritas no contrato. Caso não cumpra com sua parte, ele poderá ser obrigado a devolver o valor do sinal em dobro.

Os passos seguintes não são parte formal do processo, mas podem ocorrer, então seguem listados para serem mapeados.

5. Devolução do sinal:

Em alguns casos, o sinal pode ser devolvido ao comprador, mesmo que ele desista da compra. Isso pode acontecer se:

  • O vendedor não entregar o bem ou serviço na data acordada.
  • O bem ou serviço não estiver em conformidade com o descrito no contrato.
  • O comprador tem um motivo de força maior para desistir da compra, como doença grave ou perda de emprego.

6. Rescisão do contrato:

Se o contrato for rescindido por qualquer motivo, o valor do sinal deve ser devolvido ao comprador, acrescido de juros legais.

Veja algumas dicas para evitar problemas:

  • Sempre faça um contrato escrito.
  • Guarde o comprovante de pagamento do sinal.
  • Exija a nota fiscal ou recibo da compra.
  • Em caso de dúvidas, consulte um advogado.

Conheça o link de pagamento seguro para cobrar o sinal.

Quais as vantagens de cobrar sinal de pagamento?

Existem alguns benefícios consideráveis na cobrança de sinal. Abaixo, listamos os principais:

Segurança e planejamento para o seu negócio

Cobrar sinal de pagamento não é apenas uma forma de garantir compromisso do cliente, mas também uma ferramenta estratégica para o sucesso do seu negócio. Ao implementar essa prática, você desfruta de diversos benefícios que contribuem para a segurança, organização e rentabilidade do seu trabalho.

Além disso, é possível melhorar seu fluxo de caixa recebendo o sinal na hora. Há formas de pagamento atualmente que permitem essa agilidade.

Proteja-se contra "no-shows" e inadimplência

O sinal funciona como uma garantia contra clientes que não comparecem ao compromisso ou que não honram seus pagamentos. Essa proteção é especialmente importante para profissionais autônomos e empresas com agendamentos, como tatuadores, cabeleireiros, profissionais da saúde e consultores, que podem sofrer perdas significativas com cancelamentos de última hora. Ao cobrar um valor inicial, você se resguarda contra o impacto negativo de "no-shows" e inadimplência, assegurando a previsibilidade e segurança do seu fluxo de caixa.

Garanta organização e otimização do tempo

O sinal permite que você organize sua agenda de forma mais eficiente, evitando o agendamento excessivo e garantindo que todos os clientes sejam atendidos com a atenção e qualidade que merecem. Ao ter uma visão clara dos compromissos confirmados, você otimiza seu tempo, reduz o estresse e aumenta a produtividade do seu negócio.

Valorize seu tempo e expertise

Cobrar sinal demonstra profissionalismo e valoriza o seu tempo e expertise. Ao comunicar o valor do seu trabalho desde o início, você estabelece uma relação transparente com o cliente e transmite a importância do compromisso firmado. Essa postura contribui para a percepção de valor do seu serviço, fidelizando clientes e atraindo novos negócios.

Benefícios específicos para áreas como saúde e estética

Para profissionais da saúde e estética, o sinal de pagamento oferece vantagens adicionais. Na área da saúde, por exemplo, o sinal ajuda a reduzir custos com materiais descartáveis e outros insumos utilizados em cada consulta, além de contribuir para a diminuição da inadimplência. Já na área da estética, o sinal pode ser utilizado para garantir a reserva do horário e para cobrir os custos com produtos que serão utilizados no serviço.

É legal pedir pagamento de sinal?

Sim, é legal pedir pagamento de sinal. A prática é amparada pelo Código Civil Brasileiro, entre os  artigos 417- 420, que define o sinal como "a quantia dada como princípio do pagamento e que se perde em caso de arrependimento do comprador".

Alguns procedimentos comuns no mercado na cobrança de sinal:

  • O valor do sinal não pode ser superior a 30% do valor total da compra. Você pode parcelar a cobrança com link de pagamento, sendo um meio eficaz para cobrar sinal.
  • O sinal deve ser devolvido ao cliente em dobro caso o vendedor não cumpra com sua parte no contrato.
  • O cliente pode desistir da compra e ter o sinal devolvido se houver motivo de força maior, como doença grave ou perda de emprego.

Quando pedir um sinal de pagamento

Há tipos de negócios em que a cobrança de sinal é comum e esperada. Abaixo, listamos os principais usos práticos do sinal de pagamento:

Tatuador

O sinal garante a compra dos materiais específicos para a tatuagem, como tinta, agulhas e outros insumos, assegurando a qualidade do serviço e evitando custos desnecessários.

Cabelereiro

O sinal garante a reserva do horário e cobre os custos com produtos como tintas, descolorantes e outros produtos específicos para o serviço contratado, otimizando o tempo e os recursos do profissional.

Profissional de saúde

O sinal ajuda a reduzir custos com materiais descartáveis, medicamentos e outros insumos utilizados na consulta, além de contribuir para a diminuição da inadimplência, garantindo a sustentabilidade do negócio.

Reserva de restaurante

O sinal de pagamento em reservas de restaurante garante que o cliente esteja realmente comprometido com a reserva, evitando mesas vazias e prejuízos para o estabelecimento. Essa prática é especialmente importante em datas comemorativas ou horários de pico, quando a demanda por mesas é alta.

Serviços (marcenaria, obra) e produtos (carros, imóveis) de alto valor

Em serviços e produtos de alto valor, o sinal de pagamento funciona como um compromisso do cliente e uma garantia para o profissional ou empresa. Essa prática é essencial para proteger ambas as partes em transações que envolvem valores consideráveis e prazos de entrega longos.

Exemplos:

  • Marcenaria: O sinal pode ser utilizado para comprar materiais específicos para o projeto, como madeira, ferramentas e outros insumos.
  • Obra: O sinal pode ser utilizado para cobrir custos iniciais com mão de obra, equipamentos e outros serviços necessários para o início da obra.
  • Carros: O sinal pode ser utilizado para reservar o carro e garantir o preço negociado, evitando que o veículo seja vendido para outro cliente.
  • Imóveis: O sinal pode ser utilizado para reservar o imóvel e garantir a compra, evitando que o imóvel seja vendido para outro cliente.

Meios de pagamento para receber sinal

A escolha do meio de pagamento para receber o sinal deve levar em consideração a segurança, a praticidade e as preferências do cliente.

Confira as principais opções:

  • Dinheiro: tradicional e rápido, mas menos seguro.
  • Cartão de crédito ou débito: seguro, rápido e prático, mas as taxas cobradas pelas operadoras podem ser altas. Você pode cobrar sinal à distância no cartão com link de pagamento.
  • Pix: instantâneo, seguro e gratuito, mas o cliente precisa ter um aplicativo de banco compatível com o Pix.

Cuidados ao receber um sinal de pagamento

O sinal de pagamento é uma cobrança, e portanto tem trâmites que podem ser delicados. Siga o processo abaixo para aumentar as garantias de ser bem sucedido em seu recebimento:

Formalize o contrato

Elabore um contrato escrito que descreva o objeto da transação, o valor do sinal, a data de entrega do bem ou serviço, as condições de devolução do sinal e as demais cláusulas relevantes.

Obtenha a assinatura do cliente em duas vias do contrato, para que ambas as partes tenham um registro do acordo.

Comunique-se de forma clara

Informe o cliente sobre o valor do sinal, a forma de pagamento e o prazo para pagamento. Explique as condições de devolução do sinal, incluindo os casos em que o cliente poderá ter o valor restituído. Responda a todas as dúvidas do cliente e certifique-se de que ele esteja ciente de seus direitos e obrigações.

Utilize meios de pagamento seguros

Opte por meios de pagamento que ofereçam segurança para ambas as partes, como cartão de crédito, transferência bancária ou Pix.

Evite receber o sinal em dinheiro, pois há risco de perda ou roubo.

Documente o recebimento do sinal

Guarde o comprovante de pagamento do sinal, como recibo, extrato bancário ou transação do Pix. Anote a data e o valor do pagamento, bem como o nome e os dados de contato do cliente.

Modelo de recibo de sinal de pagamento 

Pelo presente instrumento particular, as partes abaixo qualificadas:

VENDEDOR:

Nome: [Nome completo do vendedor]

Endereço: [Endereço completo do vendedor]

CPF: [Número do CPF do vendedor]

RG: [Número do RG do vendedor]

COMPRADOR:

Nome: [Nome completo do comprador]

Endereço: [Endereço completo do comprador]

CPF: [Número do CPF do comprador]

RG: [Número do RG do comprador]

Declaram que:

O VENDEDOR vende e o COMPRADOR compra, pelo presente instrumento, o seguinte bem/serviço: [Descrição completa do bem/serviço].

O valor total da transação é de R$ [Valor total da transação].

O COMPRADOR pagou ao VENDEDOR, a título de sinal de pagamento, a quantia de R$ [Valor do sinal], equivalente a [Percentual do sinal]% do valor total da transação.

O sinal foi pago através de [Forma de pagamento do sinal] (cheque, cartão de crédito, transferência bancária, Pix).

Cláusulas:

O saldo remanescente de R$ [Valor do saldo remanescente] deverá ser pago pelo COMPRADOR ao VENDEDOR na data de [Data de pagamento do saldo].

Em caso de arrependimento do COMPRADOR, o sinal não será devolvido.

Em caso de arrependimento do VENDEDOR, o sinal será devolvido ao COMPRADOR em dobro.

O bem/serviço será entregue ao COMPRADOR na data de [Data de entrega do bem/serviço].

As partes elegem o foro da Comarca de [Cidade] para dirimir qualquer litígio que possa surgir em decorrência do presente instrumento.

Local e data:

[Cidade], [Data]

Assinaturas:

VENDEDOR:

COMPRADOR:

Testemunhas:

Que ferramenta eu uso para receber sinal de pagamento? 

A escolha da ferramenta ideal para receber sinal de pagamento depende de suas necessidades específicas e do tipo de negócio que você administra.

A InfinitePay oferece a opção de cobrar por link de pagamento, em que você pode:

Receber o dinheiro na hora ou em 1 dia útil 

Diferentemente de outras plataformas, que podem levar até 30 dias para liberar o saldo, a InfinitePay te dá acesso ao seu dinheiro instantaneamente ou em apenas 1 dia útil.

Parcelar em até 12x

Ofereça mais flexibilidade aos seus clientes, permitindo que eles parcelem o sinal em até 12 vezes sem juros.

Cobrar taxas menores 

A InfinitePay oferece taxas mais competitivas que outras plataformas, ajudando seu fluxo de caixa.

Gerenciar seus pagamentos em um só lugar 

A plataforma InfinitePay te permite gerenciar todos os seus pagamentos em um só lugar, de forma fácil e segura. Com a InfinitePay, você pode ter certeza de que receberá seu sinal de pagamento de forma rápida, segura e eficiente.

fique ligado

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.

Ícones de moedas e símbolo do Pix sobre superfícies brancas, representando diferentes aspectos financeiros e de pagamento da InfinitePay