Guia completo de como gerar boleto

Guia completo de como gerar boleto

Saiba como gerar boletos de cobrança, o que é Bolepix, suas vantagens, e descubra como fazer gestão de cobrança. Otimize o fluxo financeiro da sua empresa

26/07/2023

10

ionicons-v5-e
Copiar link
Copiado!ㅤ

O boleto é uma forma de pagamento amplamente utilizada no Brasil, conhecida por sua praticidade e segurança. Mas você sabe como ele funciona e como emitir um? Este guia completo traz todas as respostas para suas dúvidas!

Como gerar boleto grátis

Para gerar um boleto, acesse o sistema ou o site do prestador de serviço ou produto. Escolha a opção de pagamento via boleto bancário, insira as informações necessárias, como CPF e endereço, e confirme. O boleto será gerado e poderá ser impresso ou salvo para pagamento online ou em bancos e lotéricas.

Aqui está um passo a passo básico sobre como você pode emitir um boleto:

  • Contrate um serviço financeiro: Para emitir um boleto, primeiro você precisa ter uma conta em um banco ou em um serviço financeiro que ofereça essa opção. A melhor opção é a InfinitePay, que possui um sistema de gestão de cobrança automatizado que manda e-mails e mensagens via WhatsApp para avisar sobre o pagamento.
  • Solicite a liberação para emissão de boletos: Após abrir a conta, você precisará solicitar a liberação para a emissão de boletos. Este é um procedimento padrão que garante que apenas contas verificadas possam emitir boletos. Na InfinitePay, esse fluxo é muito fácil, basta acessar sua conta pelo navegador, criar a cobrança e seu cliente pode selecionar a opção de pagamento via boleto.
  • Obtenha a Liberação: Antes de começar, certifique-se de que você tem a liberação necessária para emitir boletos. Isso pode ser feito com o seu banco ou serviço financeiro.
  • Acesse a Plataforma de Emissão: Depois de ter a liberação, você pode acessar à plataforma de emissão de boletos oferecida pelo seu banco ou serviço financeiro.
  • Insira as Informações do Boleto: Na plataforma de emissão, você precisará inserir as informações do boleto. Isso inclui o valor a ser pago, a data de vencimento e os dados do pagador, como nome e CPF/CNPJ.
  • Adicione Instruções Específicas: Além disso, alguns bancos também permitem adicionar instruções específicas, como multas e juros por atraso.
  • Gere o Boleto: Após preencher todas as informações necessárias, você pode gerar o boleto. Normalmente, ele será exibido em formato PDF para que você possa baixar.
  • Envie o Boleto ao Pagador: O último passo é enviar o boleto para o pagador. Isso pode ser feito por e-mail, WhatsApp, ou qualquer outro meio de comunicação que seja mais conveniente para ambas as partes.
  • Verifique as Instruções Específicas: Lembre-se, cada banco ou serviço financeiro pode ter um procedimento ligeiramente diferente para a emissão de boletos, por isso é sempre bom conferir as instruções específicas de cada plataforma.

Como gerar um boleto na InfinitePay?

  • Entre na sua conta pelo navegador: Pelo site da InfinitePay, você pode logar na conta e tem acesso a funcionalidades premium. Após o login, você encontra no canto esquerdo a opção Cobranças.
  • Preencha os campos: Clicando em  Nova Cobrança, vai ser necessário preencher apenas o valor, quantas parcelas, para quem é a cobrança e a validade. É possível também repetir a cobrança
  • Preencha o contato: É muito fácil adicionar um novo contato e muito das informações é opcional, permitindo que o próprio cliente selecione a opção que desejar.
  • Finalize a criação: Você pode confirmar a criação da cobrança, clicando em Gerar cobrança. Você também pode copiar e também optar por compartilhar.

  • Clicando no link: Assim, vai liberar opções para o cliente selecionar o que preferir. Assim, vai aparecer a opção boleto! Preenchendo o nome e o CPF é criado o código de barras para fazer o pagamento.

Quem pode emitir boleto?

Tanto pessoas físicas quanto jurídicas podem emitir boletos, embora o processo seja mais comum entre empresas. Para isso, é preciso ter uma conta corrente em um banco e solicitar a carteira de cobrança, que é o serviço de emissão de boletos.

Tipos de Boletos

Existem basicamente dois tipos principais de boletos bancários: o boleto registrado e o boleto sem registro. Cada um tem características específicas que os diferenciam.

Boleto Registrado

Este tipo de boleto requer que todas as informações de pagamento sejam enviadas para o banco antes da emissão do boleto. Isto inclui o valor, data de vencimento, e os dados do pagador, como nome e CPF ou CNPJ. Isso permite que o banco tenha controle sobre todos os boletos emitidos e consiga rastrear os pagamentos com maior facilidade.

O boleto registrado apresenta vantagens como permitir a inclusão de multas e juros após o vencimento, permitir o protesto da dívida em cartório e também possibilita a baixa automática na rede bancária em caso de pagamento. Vale mencionar que desde 2017, por uma nova determinação do Banco Central, todos os boletos emitidos devem ser registrados.

Tipos de boletos, que são variantes dos boletos registrados, entre eles: 

  • Boleto de Proposta: Este tipo de boleto é frequentemente utilizado para cobrar um pagamento por um serviço ou produto que ainda não foi efetivamente contratado pelo cliente. Funciona quase como uma proposta de venda, e o pagamento do boleto indica a aceitação dessa proposta.
  • Boleto de Venda à Vista: Como o próprio nome sugere, esse tipo de boleto é usado para vendas à vista. É comum em transações comerciais onde o pagamento deve ser feito integralmente e imediatamente após a emissão do boleto. Geralmente não contém opção de parcelamento.
  • Boleto de Prestação de Serviços: Este tipo de boleto é usado especificamente para cobrar por serviços prestados. É comumente utilizado por profissionais autônomos e empresas que fornecem serviços, como consultorias, oficinas, escolas, academias, entre outros.

Cada um desses tipos de boletos tem características específicas que são adequadas para diferentes tipos de transações comerciais. Assim, a escolha do tipo de boleto a ser utilizado depende da natureza do negócio e da transação em questão

Indicação dos Campos do Boleto

A maioria dos boletos são divididos em diversos campos com informações importantes:

  • Sacador ou Avalista: Aqui é indicado o nome e CPF ou CNPJ de quem irá receber o valor pago.
  • Cedente: Este é o emissor do boleto, ou seja, quem realizou a venda do produto ou prestação do serviço. Se um intermediador de pagamentos é usado, então o nome deste será exibido no campo de cedente.
  • Sacado: Esta é a pessoa que está realizando a compra de um produto ou serviço e, portanto, é responsável pelo pagamento do boleto. Para boletos registrados, é indispensável a inclusão do CPF ou CNPJ do sacado.
  • Valor do Boleto Bancário: Este campo representa o custo total do produto ou serviço associado ao boleto.
  • Data de Vencimento: Esta é a data limite para o pagamento do boleto bancário. Caso o pagamento não seja realizado até essa data, o sacado fica sujeito ao pagamento de multa, mora ou juros pelo atraso.
  • Multa de Mora e Juros: Estas são as taxas que são cobradas quando o boleto não é pago até a data de vencimento. O cedente pode optar por cobrar ou não essas taxas. A multa por atraso não pode exceder
  • Agência e Código do Cedente: Este campo exibe o número da agência e o código identificador do cedente - quem vendeu o produto ou prestou o serviço. Em situações em que um intermediador de pagamentos é utilizado, o código da respectiva empresa deverá constar neste campo.
  • Nosso Número: Este campo é equivalente a uma identidade do boleto. Ele é composto por uma sequência numérica que também faz parte da linha digitável do boleto.
  • Código de Barras: Este é um padrão gráfico formado por barras e espaços de espessuras variáveis que contém todas as informações do boleto. O leitor de código de barras interpreta essas informações para realizar o pagamento do boleto.
  • Linha Digitável: Esta é uma sequência de 48 dígitos divididos em 5 grupos distintos. Através dela, é possível realizar o pagamento do boleto sem a necessidade de imprimi-lo.
  • QR CODE para pagamento via Pix: Normalmente localizado no canto direito do documento, o QR CODE é uma opção presente nos popularmente conhecidos Bolepix. Basta escanear para realizar o pagamento.

Bolepix: O que é?

O Bolepix, é uma unificação de duas formas de pagamento bastante utilizada entre os brasileiros. Sendo assim,  uma maneira pela qual sua empresa pode aceitar pagamentos, funcionando como uma alternativa ao boleto bancário tradicional. Em vez de um código de barras, o pagamento é realizado via QR Code. 

Quais os benefícios de receber via boleto Pix?

Os principais benefícios de se utilizar o boleto Pix como método de pagamento incluem a compensação instantânea, a capacidade de personalizar a cobrança, a segurança oferecida pelo sistema e a comodidade para os clientes.

Assim, a compensação ocorre instantaneamente, em qualquer dia da semana, de forma personalizada, rápida e segura. Afinal, esse procedimento obedece todas as regras definidas pelo Banco Central, garantindo a proteção dos dados do emissor e do cliente por meio de criptografia e autenticação.

Como é o procedimento de cobrança Pix via boleto?

A cobrança via Pix com boleto é efetuada através da geração de um QR Code dinâmico, isto é, um código que é singular para cada operação. Durante a criação do documento, o empresário precisa incorporar todos os dados necessários: montante a ser pago, data de vencimento, juros, penalidades e descontos - se for apropriado.

Depois que a cobrança é gerada, o cliente precisa apenas abrir o aplicativo bancário, direcionar a câmera do telefone ao QR Code e escanear o código para efetuar o pagamento. Imediatamente, os recursos estarão disponíveis na conta bancária do empresário.

Importante destacar que os empreendedores que optam pelo Pix para transações comerciais podem estar sujeitos a taxas, principalmente em operações de recebimento. A estrutura de preços do serviço, bem como os custos aplicáveis, podem variar de acordo com cada instituição financeira.

O que distingue o boleto Pix do boleto comum?

Diferentemente do boleto bancário tradicional, o pagamento via Pix é creditado imediatamente, assim como ocorre nas transferências feitas pelo sistema de pagamento instantâneo.

Dessa forma, em vez de esperar o tempo de processamento do boleto bancário (que pode levar até três dias úteis), você tem acesso ao seu dinheiro assim que seu cliente realiza o pagamento. Em outras palavras, o boleto Pix tem compensação instantânea. Ademais, como já referido, a operação é feita por meio da leitura de um QR Code, enquanto o boleto convencional é processado através do escaneamento e da inserção de um código de barras.

Em quanto tempo recebo o pagamento via boleto?

O pagamento por boleto bancário pode levar de 1 a 3 dias úteis para ser processado e confirmado pela instituição financeira. Este período permite que o banco recebedor comunique o pagamento ao banco emissor e, em seguida, ao credor. A velocidade do processo pode variar conforme o horário e o dia em que o pagamento é efetuado.

Na InfinitePay, a compensação ocorre em apenas dois dias úteis, após confirmação do pagamento!

Sistema de gestão de boletos

A gestão eficaz dos boletos bancários é crucial para garantir um fluxo de caixa saudável para qualquer negócio. É aí que entra o sistema de gestão de cobranças da InfinitePay. Ela permite que você gerencie todos os seus boletos de maneira organizada e eficiente, tudo em um único lugar. Sendo assim, uma ferramenta robusta que oferece uma série de recursos e benefícios, incluindo:

Emissão de boletos

Com o SuperCobra, você pode emitir boletos de maneira rápida e fácil. Basta inserir as informações necessárias, como dados do pagador, valor e data de vencimento, e o sistema irá gerar o boleto para você. O melhor é que você não paga pela emissão dos boletos.

Gerenciamento de boletos

Além da emissão, a gestão de cobranças da InfinitePay permite que você gerencie todos os seus boletos. Você pode acompanhar quais boletos foram pagos, quais estão pendentes e quais estão vencidos. Além disso, o sistema também permite a emissão de segunda via de boletos vencidos e o cancelamento de boletos não pagos.

Integração com o sistema de gestão

O sistema de cobranças é integrado a sua conta empresarial da InfinitePay, permitindo que você gerencie todos os aspectos do seu negócio em um único lugar.

Segurança

A InfinitePay prioriza a integridade e a confidencialidade das suas transações. Todos os boletos emitidos através do sistema são registrados, conforme exigido pelo Banco Central.

A gestão de cobrança da InfinitePay é uma ferramenta que simplifica e otimiza o processo de gestão de cobranças, tendo outras opções além do boletos, além de enviar mensagens automáticas até o prazo de vencimento, permitindo que você se concentre em outros aspectos do seu negócio. Ela é uma excelente opção para empresas de todos os tamanhos que buscam melhorar sua gestão financeira.

fique ligado

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.