tecnologia

Descubra as últimas tendências em tecnologia. Saiba como inovações tecnológicas podem melhorar sua vida e seus negócios hoje.

InfinitePay

Imagine uma conta bancária que faz seu saldo aumentar de forma automática a cada segundo que passa. Parece um sonho, mas, com a InfinitePay, isso é possível. A InfinitePay acaba de lançar o InfiniteStreaming – a conta que faz cada centavo em conta gerar mais dinheiro para você.

Diferente das demais contas com rendimentos que existem no mercado, o InfiniteStreaming é a única conta do Brasil que tem rendimento em tempo real: seu dinheiro aumenta a cada segundo.

Leia o artigo para descobrir cada detalhe sobre esta conta revolucionária. Desde o seu funcionamento, passando pela explicação do que é o CDI – um termo crucial no mundo dos investimentos – até as vantagens que o InfiniteStreaming oferece em comparação às opções tradicionais.

Se você já conhece a InfinitePay por sua praticidade e inovação, prepare-se para ser surpreendido novamente.

Exemplo de como o InfiniteStreaming, com ganhos crescendo ao vivo

O que é o InfiniteStreaming?

O InfiniteStreaming vai além das funcionalidades de uma conta bancária tradicional. Enquanto uma conta convencional oferece um local seguro para guardar seu dinheiro e realizar transações diárias, o InfiniteStreaming dá um passo adiante, permitindo que seu saldo não só fique guardado, mas também cresça com o tempo.

Esta modalidade de conta se diferencia por aplicar seu saldo em investimentos de baixo risco, gerando rendimentos de acordo com uma taxa pré-definida. No caso do InfiniteStreaming, a conta com ganhos da InfinitePay, essa taxa está atrelada a 100% do CDI, que é uma referência usada no mercado financeiro para determinar o retorno de investimentos em renda fixa.

O grande atrativo do InfiniteStreaming é a combinação de liquidez e rentabilidade. Você mantém a facilidade de acesso ao seu dinheiro, como em uma conta corrente, mas, ao mesmo tempo, aproveita os benefícios de um investimento. Com rendimentos calculados diariamente sobre o saldo, a conta transforma valores parados em uma fonte adicional de renda, potencializando o poder do seu dinheiro.

Imagem mostra a tela do app, que explica o que é o InfiniteStreaming

O que é CDI?

O CDI (Certificado de Depósito Interbancário) é uma taxa utilizada em transações e empréstimos entre bancos no Brasil. Estes empréstimos são feitos diariamente para que as instituições financeiras mantenham o equilíbrio de suas reservas conforme exigido por lei. A taxa de juros destes empréstimos interbancários é o que chamamos de CDI.

Essa taxa é muito próxima da taxa Selic, que é estabelecida pelo Banco Central do Brasil e serve como a principal ferramenta de política monetária do país. A Selic influencia todas as taxas de juros no Brasil, incluindo empréstimos, financiamentos e, claro, investimentos.

A correlação entre o CDI e a Selic é bastante estreita, com o CDI geralmente ficando um pouco abaixo da Selic. Isso acontece porque os empréstimos interbancários são considerados investimentos de muito baixo risco, e a taxa Selic serve como um teto para essas operações.

Portanto, quando a Selic sobe ou desce, o CDI segue o mesmo movimento. Esta relação direta entre as duas taxas faz com que o CDI seja um termômetro eficaz para a situação econômica do país e um indicador importante para investidores.

Entender essa dinâmica é fundamental para quem investe em produtos atrelados ao CDI, como é o caso do InfiniteStreaming.

Ao oferecer ganhos baseados em 100% do CDI, essa conta permite que os investidores se beneficiem de um produto financeiro cuja rentabilidade está alinhada com as tendências econômicas do país, balanceando risco e retorno de maneira eficiente.

Como o CDI diário é calculado?

Se a taxa anual do CDI estiver em 12%, para calcular a porcentagem diária basta dividir por 252, que é o número de dias úteis que a indústria financeira trabalha. Neste caso, o CDI diário seria de 0,047619% – que é o valor que seu dinheiro rende com o InfiniteStreaming.

Como funciona e quais são as vantagens do InfiniteStreaming?

O InfiniteStreaming é uma solução financeira inovadora que combina a facilidade de uma conta corrente com os benefícios de um investimento de baixo risco.

Veja como ela funciona e o que a torna uma escolha interessante para quem busca gerenciar de maneira mais eficiente cada centavo.

1. Tempo mínimo de depósito para começar a render

A primeira característica importante do InfiniteStreaming é o período que você precisa aguardar para que os ganhos comecem a ser acumulados. Para que seu dinheiro comece a gerar retorno de 100% do CDI, ele precisa permanecer depositado na conta por um período mínimo de 30 dias. Após esse período, o seu dinheiro começa a render diariamente.

Imagem mostra tela principal do app da InfinitePay, dizendo que faltam 17 dias para o cliente receber 100% do CDI

2. Rendimento diário baseado no CDI

A partir do 31º dia, seu dinheiro começa a render todos os dias – e você pode acompanhar o rendimento em tempo real pelo aplicativo. O rendimento é calculado com base na taxa do CDI, que é um dos principais indicadores do mercado financeiro. Isso significa que a cada dia seu saldo cresce um pouco mais, refletindo a taxa diária do CDI daquele dia.

Acesse a calculadora de rendimentos para simular o retorno que você terá ao deixar o seu dinheiro render na conta da InfinitePay, ou use o simulador do app.

Tela do app da InfinitePay mostra os ganhos do InfiniteStreaming e o simulador de ganhos

3. Cálculo do rendimento sobre o menor saldo dos últimos 30 dias

Uma característica única do InfiniteStreaming é que o cálculo do rendimento é feito sobre o menor saldo mantido na conta nos últimos 30 dias. Isso garante que os ganhos sejam calculados de maneira justa e proporcional ao valor que você realmente manteve na conta.

Exemplo: se no dia 01/10, a sua conta tinha R$ 1.000, mas dia 09/10 ela estava com R$ 600, o rendimento no dia 31 será 100% do CDI do dia 31 sobre os R$ 600.

4. Imposto de renda regressivo

Outro aspecto crucial a entender é a cobrança do imposto de renda sobre os rendimentos. A taxa de imposto é regressiva, o que significa que ela diminui quanto mais tempo você mantém seu dinheiro na conta. As faixas são as seguintes:

  • Até 180 dias: 22,5%
  • De 181 a 360 dias: 20%
  • De 361 a 720 dias: 17,5%
  • Acima de 720 dias: 15%

Importante: o imposto de renda só é descontado quando você realiza um saque ou movimenta a conta.

No aplicativo da InfinitePay, o saldo que você visualiza já considera o desconto do imposto de renda. Isso significa que o valor que você vê é o montante real disponível para você, sem surpresas ou cálculos adicionais.

5. Liberdade para movimentar seu dinheiro

Uma das grandes vantagens do InfiniteStreaming é a flexibilidade. Você tem a liberdade de retirar seu dinheiro quando precisar, sem enfrentar processos burocráticos ou penalidades. Essa característica torna o InfiniteStreaming uma opção atraente para quem busca liquidez juntamente com o potencial de crescimento do capital com baixo risco.

Em resumo, o InfiniteStreaming da InfinitePay é uma combinação inteligente de rendimento, flexibilidade e simplicidade, permitindo que seu dinheiro cresça de maneira eficiente e transparente.

Conheça mais detalhes sobre o InfiniteStreaming e, se você já é cliente InfinitePay, fique atento: a conta que faz o seu dinheiro crescer estará disponível para você.

Conta com rendimento diário 100% do CDI

Você conhece a conta totalmente grátis da InfinitePay? Basta baixar o app e criar sua conta sem burocracia. Com ela, você vende pelo app através do InfiniteTap (maquininha no celular), link de pagamento, boleto e Pix. E o dinheiro que fica na conta rende 100% do CDI, sem você fazer nada!

Comparativo InfiniteStreaming (100% CDI) versus Poupança:

Obs: valores estimados, taxas relativas a 21/fev (Selic 11,25% ano, e poupança a 0,6171 % mês)Ref. Selic e Ref. poupança

Quanto rende R$ 1.000 em 100% do CDI?

InfiniteStreaming Poupança Nacional
Valor investido R$1,000.00 R$1,000.00
Após 6 meses R$1,057.32 R$1,037.16
Após 12 meses R$1,117.93 R$1,075.71
Após 24 meses R$1,249.76 R$1,157.14

Quanto rende R$ 5.000 em 100% do CDI?

InfiniteStreaming Poupança Nacional
Valor investido R$5,000.00 R$5,000.00
Após 6 meses R$5,286.60 R$5,185.81
Após 12 meses R$5,589.63 R$5,378.53
Após 24 meses R$6,248.79 R$5,785.72

Quanto rende R$ 10.000 em 100% do CDI?

InfiniteStreaming Poupança Nacional
Valor investido R$10,000.00 R$10,000.00
Após 6 meses R$10,573.20 R$10,371.63
Após 12 meses R$11,179.26 R$10,757.06
Após 24 meses R$12,497.59 R$11,571.44

Quanto rende R$ 20.000 em 100% do CDI?

InfiniteStreaming Poupança Nacional
Valor investido R$20,000.00 R$20,000.00
Após 6 meses R$21,146.41 R$20,743.25
Após 12 meses R$22,358.52 R$21,514.13
Após 24 meses R$24,995.18 R$23,142.89

Obs: valores estimados, relativos a 21/fev

Empreender

O WhatsApp Business tem se mostrado uma ferramenta revolucionária para pequenos empreendedores. Seja você dono de uma loja de roupas, uma oficina mecânica, ou um freelancer, entender como maximizar o potencial deste aplicativo pode significar a diferença entre um negócio estagnado e um em ascensão. Neste artigo, exploraremos estratégias e dicas práticas para transformar seu WhatsApp Business em uma poderosa ferramenta de crescimento e fidelização de clientes.

O que é e para que serve o WhatsApp Business?

O WhatsApp Business é uma versão do WhatsApp desenvolvida para empresas. Ele oferece recursos que facilitam a interação com os clientes, como a criação de um perfil comercial, o envio de mensagens automáticas e a organização de chats.

O WhatsApp Business pode ser usado para diversos fins, como:

  • Atendimento ao cliente 

Responder a dúvidas, reclamações e solicitações de informações.

  • Vendas 

Divulgar produtos e serviços, fazer promoções e fechar negócios.

  • Marketing 

O aplicativo permite enviar mensagens em massa para até 256 contatos, o que é suficiente para ofertas e outros conteúdos promocionais de pequeno ou médio porte.

Para criar uma comunicação em massa no WhatsApp Business, siga os seguintes passos:

  1. Crie uma lista de contatos: Você pode importar contatos da sua lista de contatos do celular ou criar uma nova lista.
  2. Crie uma mensagem: Ela deve ser clara, concisa e relevante para os seus clientes.
  3. Envie a mensagem para a sua lista de contatos.

Como funciona o WhatsApp Business?

O WhatsApp Business funciona de forma semelhante ao WhatsApp tradicional. As mensagens são enviadas e recebidas da mesma forma, mas o aplicativo oferece recursos adicionais que são úteis para empresas.

Ao criar uma conta no WhatsApp Business, você precisa preencher um perfil comercial com informações sobre sua empresa, como nome, foto e categoria que ela se encaixa. Você também pode adicionar mais informações como e-mail, site e criar um catálogo de produtos ou serviços para mostrar aos seus clientes.

O WhatsApp Business também oferece ferramentas para automatizar mensagens, como saudações, respostas a perguntas frequentes e avisos de ausência. Isso pode ajudar você a responder aos seus clientes de forma rápida e eficiente, mesmo quando estiver ocupado.

Quem pode ter o WhatsApp Business?

Qualquer empresa pode ter o WhatsApp Business, independentemente do tamanho ou do setor. O aplicativo é gratuito e está disponível para Android e iPhone.

WhatsApp Business verificado. Quais tipos de verificação existem?

No WhatsApp, a verificação de conta é uma maneira de autenticar a identidade de uma empresa ou entidade, proporcionando maior confiança aos usuários. Existem dois tipos principais de verificação:

Conta verificada com um selo cinza

Este é o nível básico de verificação no WhatsApp Business. Após completar o processo de verificação, a conta recebe um selo cinza ao lado do nome da empresa. Isso indica aos usuários que a conta foi verificada como autêntica, mas não fornece informações específicas sobre o tipo de negócio ou a autenticação detalhada.

Conta verificada com um selo verde

O selo verde é uma forma mais avançada de verificação. Ele é concedido a empresas ou entidades de destaque que demonstraram uma presença autêntica e significativa no WhatsApp Business. Uma conta com selo verde exibe um ícone verde ao lado do nome da empresa, indicando um nível mais alto de confiança. Isso geralmente é atribuído a marcas reconhecidas, celebridades ou empresas com grande presença online.

Como conseguir a verificação

Para obter a verificação no WhatsApp Business, é fundamental seguir algumas diretrizes e requisitos:

  • Autenticidade e clareza

Certifique-se de que a identidade da sua empresa seja clara e autêntica. Forneça informações precisas e completas ao configurar o perfil no WhatsApp Business.

  • Atividade regular

Mantenha uma interação regular com os clientes, respondendo mensagens prontamente e oferecendo um serviço de qualidade. O WhatsApp Business avalia a atividade da conta ao considerar a verificação.

  • Conformidade com as diretrizes

Cumpra todas as diretrizes estabelecidas pelo WhatsApp Business. O não cumprimento das regras pode resultar na não verificação ou até mesmo na suspensão da conta.

  • Presença online

Tenha uma presença online sólida. O WhatsApp pode considerar a presença em outras plataformas online ao avaliar a autenticidade da sua empresa.

O WhatsApp mantém em segredo os critérios usados para verificar contas comerciais. Isso ocorre porque a verificação é reservada para um seleto grupo de empresas com grande reconhecimento de marca.

Apesar de os requisitos serem desconhecidos, a verificação no Facebook ou Instagram não influencia a obtenção da verificação no WhatsApp.

O nome de exibição só pode ser usado uma vez. Se já existir um número/conta com o nome de exibição, não será possível usar esse mesmo nome para outro número/conta.

Quais as diferenças entre o WhatsApp Business e o tradicional?

A principal diferença entre o WhatsApp Business e o tradicional é que o primeiro foi desenvolvido especificamente para empresas. Ele oferece recursos que facilitam a interação com os clientes e ajudam as empresas a se comunicar de forma mais eficiente.

Aqui estão algumas das principais diferenças entre os dois aplicativos:

  • Perfil comercial 

O WhatsApp Business permite que você crie um perfil comercial com informações sobre sua empresa, como nome, endereço, e-mail e site.

  • Catálogo 

O WhatsApp Business permite que você crie um catálogo de produtos ou serviços para mostrar aos seus clientes.

  • Mensagens automáticas 

O WhatsApp Business permite que você envie mensagens automáticas, como saudações, respostas a perguntas frequentes e avisos de ausência.

  • Etiquetas 

O WhatsApp Business permite que você organize seus chats e contatos por etiquetas.

Como mudar a conta do WhatsApp para profissional?

Para mudar a conta do WhatsApp para profissional, siga estas etapas:

  1. Baixe o WhatsApp Business no seu celular.
  2. Abra o aplicativo e crie uma conta com o número do seu telefone.
  3. Preencha o perfil comercial com informações sobre sua empresa/loja.
  4. Crie um catálogo de produtos ou serviços, se desejar.

Quais recursos o WhatsApp Business oferece?

O WhatsApp Business oferece uma variedade de recursos que podem ajudar as empresas a se comunicar de forma mais eficiente com seus clientes. Aqui estão alguns dos principais recursos:

Catálogo de produtos: sua vitrine digital

O recurso de catálogo do WhatsApp Business permite que você exiba seus produtos ou serviços diretamente no chat. Essa funcionalidade não apenas economiza tempo, mas também proporciona aos clientes uma experiência de compra fluida e integrada.

Automação de respostas: um atendente virtual

Imagine um cliente entrando em sua loja virtual e sendo imediatamente saudado com uma mensagem acolhedora. Com o WhatsApp Business, isso é possível através da automação de respostas. Configure mensagens de boas-vindas, respostas rápidas para perguntas frequentes e mensagens de ausência para garantir que seus clientes sempre recebam uma resposta pronta e personalizada.

Como configurar resposta automatica no Whastapp Business?

  1. Toque no ícone de três pontos no canto superior direito para abrir o menu e vá para "Configurações".
  2. Selecione "Configurações de negócios" ou "Configurações da empresa", dependendo da versão do WhatsApp Business.
  3. Toque em "Perfil empresarial" e adicione informações relevantes sobre a sua empresa.
  4. Vá para a seção "Mensagens automáticas" ou "Mensagens de ausência".
  5. Você terá a opção de configurar diferentes tipos de mensagens automáticas, como Saudação, Ausência e Mensagem de Agradecimento.
  6. Ative a saudação para enviar automaticamente uma mensagem quando um cliente entrar em contato pela primeira vez ou após 14 dias de inatividade.

Respostas rápidas

As respostas rápidas permitem que você salve frases e respostas comuns para usá-las rapidamente.

Dica: Ative a mensagem de agradecimento para enviar automaticamente uma mensagem de agradecimento após a conclusão de uma conversa.

Etiquetas e organização: seu negócio na ponta dos dedos

Aprenda a usar etiquetas para organizar conversas, facilitando o acompanhamento de pedidos, reservas, ou dúvidas de clientes. Essa prática ajuda a manter o controle e a eficiência, vital para qualquer pequeno negócio.

Para adicionar etiquetas (tags) no WhatsApp Business, siga estas etapas:

  1. Abra a conversa: Abra o WhatsApp Business e vá para a conversa do cliente para o qual você deseja adicionar uma etiqueta.
  2. Toque no nome do contato ou número: Dentro da conversa, toque no nome do contato ou no número no topo da tela. Isso abrirá as informações do contato.
  3. Adicione etiquetas: Dentro das informações do contato, procure a opção "Etiquetas" ou "Tags". Toque nessa opção.
  4. Escolha ou crie uma etiqueta: Você verá uma lista de etiquetas existentes. Selecione a etiqueta relevante para a conversa ou toque em "Criar etiqueta" para criar uma nova.
  5. Digite o nome da etiqueta: Se você estiver criando uma nova etiqueta, digite o nome desejado para ela e confirme.
  6. Conclua a ação: Após adicionar ou criar a etiqueta, toque em "Salvar" ou "Concluir" para aplicar a etiqueta à conversa.

Segurança e privacidade

A segurança é primordial no WhatsApp Business. Use a verificação em duas etapas para proteger sua conta e certifique-se de seguir as melhores práticas de proteção de dados, garantindo a privacidade das informações dos seus clientes e da sua empresa.

Recebimento de pagamentos

Com o WhatsApp Pay, você tem a opção de oferecer aos seus clientes uma forma prática e segura de realizar pagamentos.

Como explorar seu WhatsApp Business para melhorar suas vendas

Whatsapp Business em dois celulares

Para um negócio em expansão, poder acessar o WhatsApp Business de dois celulares pode ser crucial. Aqui, mostraremos como fazer isso mantendo a eficiência e a segurança usando a funcionalidade WhatsApp Web.

Siga esses passos:

  1. Abra o WhatsApp Business no primeiro celular.
  2. Toque nos três pontos no canto superior direito para abrir o menu e selecione "WhatsApp Web".
  3. Abra um navegador da web no segundo celular e acesse o site web.whatsapp.com.
  4. No segundo celular, você verá um código QR na tela.
  5. Use o primeiro celular para escanear o código QR exibido no navegador do segundo celular.

Após escanear o código QR, o WhatsApp Business será espelhado no segundo celular. Ambos os dispositivos terão acesso à mesma conta do WhatsApp Business simultaneamente. Lembre-se de manter o primeiro celular conectado à internet para manter a sincronização.

Whatsapp Business web

Para acessar o WhatsApp Business para PC, você pode usar o WhatsApp Web ou o WhatsApp para Desktop.

  • WhatsApp Web

Para usar o WhatsApp Web, siga os seguintes passos:

  1. Acesse o site https://web.whatsapp.com/ no seu navegador.
  2. Abra o WhatsApp Business no seu celular.
  3. Toque nos três pontinhos no canto superior direito da tela.
  4. Selecione "Aparelhos conectados".
  5. Faça a leitura do código QR que aparece na tela do seu computador.

  • WhatsApp para Desktop

Para usar o WhatsApp para Desktop, siga os seguintes passos:

  1. Baixe o WhatsApp para Desktop no site https://www.whatsapp.com/download 
  2. Instale o aplicativo no seu computador.
  3. Abra o WhatsApp Business no seu celular.
  4. Toque nos três pontinhos no canto superior direito da tela.
  5. Selecione "Aparelhos conectados".
  6. Faça a leitura do código QR que aparece na tela do seu computador.

Após conectar o seu celular ao PC, você poderá acessar o WhatsApp Business no seu computador e usar todos os recursos disponíveis, como mensagens, chamadas, status e arquivos.

Vários atendentes

Para empresas com equipe de vendas ou suporte, o WhatsApp Business pode ser configurado para múltiplos usuários. Vamos detalhar como organizar essa configuração para maximizar a eficácia do atendimento ao cliente.

Chat bot e API do Whatsapp Business

Para configurar o WhatsApp Business para múltiplos atendentes, você pode usar a funcionalidade chamada “API do WhatsApp Business". Essa API permite que empresas integrem o WhatsApp aos seus sistemas de atendimento ao cliente e gerenciem conversas com os clientes de forma mais eficiente. 

Aqui estão os passos gerais para configurar o WhatsApp Business para múltiplos atendentes:

  • Verificar Elegibilidade

Certifique-se de que sua empresa atenda aos requisitos para usar a API do WhatsApp Business. Normalmente, é direcionada a empresas de médio a grande porte.

  • Provedor de serviços comerciais do whatsApp (CSP):

Escolha um provedor de serviços comerciais do WhatsApp. Existem parceiros oficiais que oferecem serviços de integração para a API do WhatsApp Business. Alguns exemplos incluem Twilio, MessageBird e outros.

  • Conta comercial no Facebook

Certifique-se de ter uma conta comercial no Facebook vinculada à sua conta do WhatsApp Business.

  • Configuração da API

Entre em contato com o CSP escolhido e siga as instruções para configurar a API do WhatsApp Business.

  • Configuração de atendentes

No painel de controle da API, você poderá configurar vários atendentes. Cada atendente terá um número de identificação exclusivo (ID) e poderá ser associado a números de telefone específicos.

Promoções e ofertas exclusivas

Envie ofertas personalizadas, como um restaurante que oferece um menu especial de almoço para clientes frequentes. Se tem um salão de beleza, você pode enviar mensagens com desconto para clientes que fazem aniversário em uma determinada data. Se tem uma loja de roupas, você pode enviar mensagens para clientes que demonstraram interesse em um determinado produto, como tendências de moda ou estilo de vida.

Feedback e pesquisas de satisfação

Utilize o app para coletar opiniões e sugestões dos clientes, melhorando continuamente seus produtos ou serviços.

Envie uma mensagem de pesquisa de satisfação após a conclusão de uma compra ou serviço. Por exemplo, você pode enviar uma mensagem perguntando ao cliente como ele avaliou o seu produto ou serviço, se ele recomendaria a sua empresa para outras pessoas, e se há algo que você possa fazer para melhorar.

Aqui estão alguns exemplos específicos de perguntas que você pode fazer em uma pesquisa de satisfação no WhatsApp Business:

Geral:

  • Como você avalia a sua experiência com a nossa empresa?
  • Você recomendaria a nossa empresa para outras pessoas?
  • O que você mais gostou sobre a nossa empresa?
  • O que você menos gostou sobre a nossa empresa?

Produtos ou serviços:

  • Você ficou satisfeito com os nossos produtos ou serviços?
  • Os nossos produtos ou serviços atenderam às suas expectativas?
  • Há algo que você gostaria de ver diferente nos nossos produtos ou serviços?
  • Atendimento ao cliente
  • Como você avaliou o nosso atendimento ao cliente?
  • O nosso atendimento foi rápido e eficiente?
  • O nosso atendimento foi educado e atencioso?

Ao coletar feedback e pesquisas de satisfação, você poderá identificar pontos fortes e fracos do seu negócio. Você poderá usar essas informações para melhorar a experiência do cliente e aumentar a satisfação dos clientes.

Programas de fidelidade

Implemente ações para premiar clientes regulares, fortalecendo o relacionamento a longo prazo.

Veja alguns exemplos específicos de programas de fidelidade que você pode implementar no WhatsApp Business:

  1. Uma loja de roupas pode oferecer um desconto de 10% para clientes que fazem uma compra acima de R$200 pelo WhatsApp.
  2. Um restaurante pode oferecer um brinde grátis para clientes que fazem um pedido pelo WhatsApp pela quinta vez.
  3. Uma loja de mecânica pode oferecer uma troca de óleo grátis para clientes que confirmarem seu agendamento via whatsapp business. 

Ao implementar um programa de fidelidade no WhatsApp Business, você poderá recompensar os clientes fiéis e fortalecer o relacionamento a longo prazo.

WhatsApp Business + Instagram: Configure para aumentar suas vendas

Configurar o WhatsApp Business em conjunto com o Instagram pode trazer vários benefícios para empresas que desejam aprimorar sua presença online e facilitar a comunicação com os clientes. Aqui estão alguns benefícios:

  • Aumento da confiança do cliente

Ao fornecer opções de contato direto, como WhatsApp, você pode aumentar a confiança do cliente. Muitas pessoas preferem aplicativos de mensagens para comunicação comercial devido à sua praticidade e familiaridade.

  • Experiência do cliente aprimorada

Configurar mensagens automáticas e respostas rápidas contribui para uma experiência do cliente mais eficiente e agradável. Os clientes apreciam respostas rápidas e informações úteis, o que pode resultar em uma visão mais positiva da sua marca.

  • Compartilhamento de conteúdo

Você pode compartilhar facilmente conteúdo do Instagram, como posts, stories ou links, por meio do WhatsApp. Isso ajuda na promoção de produtos, serviços e conteúdo relevante.

Como configurar o whatsapp business no Instagram? 

Para fazer link do WhatsApp Business no Instagram, siga estas etapas:

  1. Acesse o seu perfil no Instagram.
  2. Toque no botão "Editar perfil" em Android ou “Editar” em iOS.
  3. Role a tela para baixo e toque em "página.
  4. Toque em "Adicionar link".
  5. Cole o link do seu WhatsApp Business.
No print acima, o caminho está sinalizado com uma seta em vermelho.

Como gerar link do Whatsapp Business?

Para gerar um link no WhatsApp Business, siga os passos abaixo:

Android:

  1. Abra o aplicativo WhatsApp Business.
  2. Toque nos três pontinhos que aparecem no canto superior direito da tela.
  3. Selecione a opção "Configurações".
  4. Na tela que abriu, toque em "Configurações da Empresa" e selecione "Link curto".
  5. O link curto da sua empresa será exibido abaixo do seu nome comercial. Você pode copiar o link ou compartilhá-lo.

iPhone:

  1. Abra o aplicativo WhatsApp Business.
  2. Toque no ícone de engrenagem no canto inferior direito da tela.
  3. Selecione a opção "Configurações".
  4. Na tela que abriu, toque em "Configurações da Empresa" e selecione "Link curto".
  5. O link curto da sua empresa será exibido abaixo do seu nome comercial. Você pode copiar o link ou compartilhá-lo.

Como criar um canal no Whatsapp Business?

Para criar um canal no WhatsApp Business, você precisa seguir os seguintes passos:

  1. Baixe o WhatsApp Business, que é a versão do aplicativo voltada para as empresas. Você pode usar o mesmo número do seu WhatsApp pessoal ou um número diferente, mas é recomendável ter um aparelho celular exclusivo para o seu negócio.
  2. Acesse o WhatsApp Business no seu celular e vá na aba "Atualizações".
  3. Toque no ícone "+" e selecione "Novo Canal".
  4. Em seguida, vá em "Começar" e siga as instruções fornecidas na tela.
  5. Defina um nome, uma foto e uma descrição para o seu canal.
  • Nome

O nome do seu canal deve ser claro e conciso, para que os usuários possam identificá-lo facilmente. Você pode usar o nome da sua empresa, o nome do seu produto ou serviço, ou uma combinação dos dois.

  • Foto

A foto do seu canal é importante para ajudar os usuários a se lembrarem dele. Você pode usar o logotipo da sua empresa ou uma imagem que represente o seu negócio.

  • Descrição

A descrição do seu canal deve fornecer mais informações sobre o seu negócio e o que você oferece. Você pode incluir informações sobre os seus produtos ou serviços, as suas ofertas especiais, ou a sua missão.

Após criar o seu canal, você pode começar a enviar atualizações para os seus seguidores. Você pode enviar mensagens de texto, imagens, vídeos, e até mesmo links para conteúdo externo.

5 formas de usar WhatsApp Business para ajudar o seu negócio 

O WhatsApp Business oferece diversas funcionalidades que podem ser aproveitadas por diferentes tipos de negócios. Aqui estão alguns casos de uso para o WhatsApp Business:

1. Atendimento ao Cliente

Empresas podem usar o WhatsApp Business para fornecer suporte ao cliente em tempo real, respondendo a perguntas, solucionando problemas e oferecendo assistência rápida.

2. Agendamento de serviços

Clínicas médicas, salões de beleza, loja mecânica e outros prestadores de serviços podem usar o WhatsApp Business para agendar consultas, lembrar clientes de compromissos e fornecer informações relevantes.

3. Vendas e atualizações de produtos

Empresas de comércio eletrônico podem utilizar o WhatsApp Business para informar os clientes sobre novos produtos, ofertas especiais e atualizações de estoque.

4. Reservas em restaurantes

Restaurantes podem permitir que os clientes façam reservas via WhatsApp Business, confirmando detalhes como data, hora e número de pessoas.

5. Envio de recibos e notas fiscais

Após uma transação comercial, empresas podem enviar recibos e notas fiscais diretamente aos clientes por meio do WhatsApp Business.

O WhatsApp Business é uma ferramenta poderosa que pode ajudar as empresas a se comunicarem de forma mais eficiente com seus clientes. Com recursos como perfil comercial, catálogo, mensagens automáticas e análises, o WhatsApp Business pode ajudar as empresas a melhorar o atendimento ao cliente, aumentar as vendas e fortalecer o relacionamento com os clientes.

Empreender

Já está há tempos com a ideia de como montar uma loja virtual, mas não sabe nem por onde começar? Abrir um negócio online, um e-commerce, é a iniciativa perfeita para quem quer lucrar com a independência de ser seu próprio dono. Para montar uma loja virtual que mudará a sua vida, é preciso entender e seguir alguns passos essenciais para ter sucesso.

As compras online já são uma realidade na nossa vida e mesmo com a concorrência acirrada, você pode começar a sua agora mesmo e tornar um negócio de sucesso. Neste texto vamos explicar tudo! Diremos quais são todas as etapas essenciais para quem quer começar sua própria loja virtual e as ferramentas necessárias para tornar seu sonho realidade. Confira!

Leia mais: Afinal, o que é o e-commerce e como crescer nesse mercado?

Panorama do mercado digital

Uma pesquisa da eMarketer anterior a pandemia, já apontava o Brasil como o segundo no ranking de países com maior crescimento previsto para o e-commerce. Ainda em 2019, o crescimento do comércio digital no país apresentava dados relevantes. As vendas online tiveram um faturamento de R$ 61,9 bilhões. Já em 2020, o mercado digital fechou com um índice de 73,88% de crescimento.

Durante o período de confinamento, o e-commerce brasileiro teve um crescimento notável. Uma pesquisa revelou que o Brasil ocupou a 6ª posição no ranking de aumento das vendas online. De acordo com um estudo realizado pela Neotrust, no 3º trimestre de 2023, o e-commerce no Brasil registrou um faturamento de impressionantes R$ 35,6 bilhões. Mesmo que esse número represente um aumento modesto de 0,5% em relação ao 2º trimestre do mesmo ano, ele destaca a consistência do comércio eletrônico no país.

Esses dados mostram a transformação que o varejo está vivenciando e como a presença online é fundamental para atrair clientes, aumentando as oportunidades de negócio. Com esse ambiente e previsões promissoras, elaborar estratégias para abrir uma loja, é uma das maneiras mais eficientes de explorar o potencial do e-commerce.

Porque você deve criar uma loja virtual?

Se você ainda está em dúvidas se realmente deve abrir um e-commerce, principalmente com tanta concorrência, vamos listar algumas vantagens desse formato e porque você deve apostar nele.

Menor custo

A primeira vantagem, sem dúvidas, é o custo. No ambiente online, você corta muitos custos e burocracias de uma loja física. Afinal, é preciso um espaço para funcionar, funcionários, pagamentos de taxas municipais, etc.Além do menor custo, também é possível começar sua loja com pouco investimento e produtos, com altas perspectivas de crescimento, isso porque as vendas não ficam limitadas a um lugar só.

Os custos com marketing e divulgação também podem ser menores se você souber usar as ferramentas certas e estratégias de alcance orgânico. Hoje as redes sociais oferecem espaços exclusivos para lojas exporem seus produtos, como o Instagram Shopping (vamos falar disso mais à frente).

Leia mais: Como conquistar mais clientes com marketing digital

O que é preciso para montar uma loja virtual?

Antes de colocar sua loja no ar, é preciso dar atenção a algumas coisas para fazer tudo certo e não ter dor de cabeça no futuro. Primeiro de tudo é o plano de negócio, que é onde você irá descrever todos os detalhes da sua loja, como os objetivos a serem alcançados e uma análise do mercado que você entrará.

Depois, é preciso também se preocupar em criar uma identidade visual que seja bonita e fácil de ser identificada. Você pode fazer contrato com um designer ou com a ferramenta Canva, que possui algumas opções já prontas, onde só basta você ir e alterar. Detalhamos a seguir os primeiros passos que um empreendedor precisa passar para criar uma loja virtual.

Definição do que você irá vender

Existem vários tipos de produtos que podem ser comercializados em um e-commerce. E para definir seu portfólio, é preciso pensar em algumas questões, tais como:

  • O que eu poderia revender?
  • Quem seria meu fornecedor?
  • Qual produto tem maior custo-benefício?
  • Qual produto, na venda mínima, conseguiria manter os custos da loja/produção?

Estas são algumas perguntas que podem te ajudar na definição do produto, estratégia de marketing e até na esfera logística.

Planejamento financeiro

De modo objetivo, o planejamento envolve a análise de todo o contexto financeiro de uma empresa: suas entradas, saídas, potenciais faturamentos e potenciais gastos.

Em outras palavras, estamos falando de uma etapa decisiva da gestão financeira.

A partir disso, pode-se prever, por exemplo, quanto é preciso vender para manter a viabilidade econômica de um negócio ou mesmo estratégias para a redução de custos. Deste modo, o gestor consegue elaborar ações que darão suporte às decisões tomadas no planejamento.

Para ser bom e eficiente, o planejamento deve ser contínuo, amplo, e nenhuma das operações essenciais da gestão financeira podem ser esquecidas, como a precificação de produtos e ou a gestão das contas a pagar e a receber.

Baixe aqui nossa planilha de precificação

Quanto você deve investir ao montar sua loja virtual?

O investimento inicial depende de muitas variáveis. A primeira delas é a plataforma escolhida, que existem de todas as formas e preços diferentes. É uma escolha que deve ser feita com muito cuidado, já que onde toda sua operação estará concentrada.

É possível encontrar opções com custo muito baixo, como Wix, Duda e também pelo Wordpress, que vamos explorar melhor mais a frente. Ao fazer a escolha, fique de olho em algumas coisas:

  • A capacidade de tráfego mensal;
  • Como integrar opções de pagamento;
  • Segurança do site;
  • Opções de atendimento (comentários, chat, etc).
  • Sim, é melhor fazer um investimento inicial em uma plataforma 100% confiável para evitar problemas no futuro.

Ao escolher a ferramenta, você também deve comprar o domínio da loja, que deve ser curto e fácil de lembrar. Você pode comprar pelo Registros.br, por exemplo. Vale lembrar de verificar se o nome também está disponível nas redes sociais.

Falando em redes sociais, também é preciso se preocupar como irá expor os produtos, não é mesmo? Invista também em boas fotos e uma montagem para trazer a experiência do produto para o cliente logo de cara.

Como sair na frente da concorrência? Fazendo seu plano de negócio

Na internet, você concorre com milhares de outras lojas, o que parece algo bastante negativo para quem está começando, mas como dissemos acima, é preciso fazer um plano de negócio antes de começar e isso irá te ajudar a sair na frente da concorrência! Não é incomum ver empreendedores com dificuldades nos primeiros meses de negócio por terem planejado corretamente.

Por meio do plano de negócio, você terá todas as informações necessárias sobre seu nicho, produtos, serviços, clientes, concorrentes, fornecedores e principalmente, entender os pontos fortes e fracos da sua loja.

Vale reforçar que o plano de negócio é essencial tanto para quem está começando quanto para quem pretende expandir seu negócio, que não ficará à prova de erros e riscos, mas com certeza ajudará a diminuir as incertezas sobre sua loja.

Outros benefícios do plano de negócio são:

  • Organiza todas as ideias sobre a sua nova loja;
  • Ajuda na expansão;
  • Apoia toda a organização e administração do negócio;
  • Facilita a comunicação entre parceiros e sócios;
  • Para montar seu plano de negócio, abra um documento no Word ou Google Docs e detalhe os seguintes pontos.

Sumário executivo

O sumário executivo dá uma visão geral sobre seu negócio e seus planos. O recomendado é escrevê-lo por último (parece contraditório, mas vamos explicar). Essa parte deve incluir:

  • Uma descrição completa da sua loja é o principal diferencial dela.
  • A missão do seu negócio;
  • Descrição do seu perfil como empreender;
  • Quais serão os produtos e os principais benefícios;
  • Quem é o público-alvo da sua loja;
  • Investimento inicial.

Visão geral do negócio

Aqui, é detalhado mais sobre a proposta de valor. Primeiro, é colocado qual a necessidade do mercado e como sua loja ajuda a resolver este problema, apresentando a solução encontrada.

Também é detalhado sobre o mercado e o cliente ideal. Se você tem uma loja de vestidos de noiva, por exemplo, não adianta ter como cliente ideal toda mulher que está noiva. É preciso especificar se são mulheres que procuram vestidos de luxo, vestidos mais baratos, etc.

É nessa parte que você também conhece mais sobre seus concorrentes. Pesquise e selecione seus principais concorrentes, como eles atuam no segmento, como divulgam os produtos, quem são os clientes etc.

Se não conhece nenhum concorrente, abra o Google e vá pesquisando ou pergunte a conhecidos se conhecem lojas parecidas. Procure principalmente por lacunas nos concorrentes. Veja no que eles estão falhando e como sua loja pode cobrir. Todo mundo tem pontos fortes e pontos fracos.

Plano de marketing

O marketing é o coração de todo negócio. Afinal, sem uma estratégia de marketing sólida, como gerar vendas no mundo virtual? A primeira parte do seu plano de marketing e vendas é a declaração de posicionamento. Ou seja, como sua loja irá se apresentar para os clientes.

Qual é o preço mais baixo do mercado? Ou produtos premium, que não serão encontrados em qualquer loja? Ou que você oferece algo que seus concorrentes não tem?

Antes de definir seu posicionamento, tire um tempo para responder às seguintes perguntas:

  • Quais são os benefícios que sua loja possui e seus concorrentes não?
  • Quais são as principais necessidades e desejos dos seus potenciais clientes?
  • Como seus concorrentes se posicionam?
  • Porque o potencial cliente deve escolher você e não a outra loja?

Com essas perguntas respondidas, agora é hora de colocar seu posicionamento em todos os lugares possíveis: no seu e-commerce e nas redes sociais.

Plano de vendas e promoção da sua loja

Com o posicionamento resolvido, é hora de pensar em como vender seus produtos. Não basta colocar no e-commerce e esperar as vendas caírem do céu. Vender envolve muito mais que isso. Você precisa saber como e onde se comunicar com seus potenciais clientes.

E outra coisa importantíssima é definir os preços dos produtos, como já dissemos mais cedo. Calcule o preço que irá cobrir seus custos e que seja atrativo para o cliente final. Recado importante: continue com a gente que vamos ensinar mais à frente como criar um plano de marketing completo para ajudar nas suas vendas!

Escolha os seus fornecedores

Imagine o quão ruim seria encomendar uma quantidade grande de produtos, ter clientes esperando para comprar, mas não conseguir efetivar as vendas devido a demora de entrega dos fornecedores? Por isso escolher quais serão os seus fornecedores com cuidado é essencial para montar uma loja virtual com sucesso.

Pesquise quem poderá atender a sua loja melhor, além disso entenda também quais são as condições de pagamento de cada fornecedor, os prazos de entrega e qual a sua reputação no mercado.

Além disso, não deixe de verificar qual a qualidade do produto vendida por aquele fornecedor, pois após a compra os seus clientes avaliaram a sua empresa também pela qualidade da sua mercadoria. Outro ponto importante aqui também é não deixar verificar se o fornecedor oferece bom suporte para os seus clientes.

Isso acontece porque de nada adianta você encomendar produtos de qualidade, receber um prazo de entrega e quando esse chegar não ter nenhuma resposta do seu fornecedor.  

Escolha entre marketplace e estrutura própria

Para as pessoas que vendem exclusivamente online, existem duas possibilidades. A primeira é a criação de uma estrutura própria de vendas e a segunda é o uso de plataformas para e-commerce. Para quem escolher ter uma estrutura própria de vendas há a possibilidade de começar a sua própria estrutura de vendas do zero.

Ou seja, você não ficará refém da infraestrutura da plataforma e assim poderá definir o design da loja, além de decidir valores em taxas, formas de pagamento e estrutura do SAC. Porém, se você não se sente seguro ou não tem tempo para investir na criação de uma estrutura completa para a sua loja, uma ótima opção são as plataformas de e-commerce.

Essas já apresentam todas as ferramentas mencionadas acima prontas e o vendedor somente precisa adicionar todas as informações. Apesar da vantagem, essas cobram taxas dos vendedores e limitam as formas de pagamento e entrega.

Escolha em qual plataforma você venderá

Se você escolheu montar uma loja virtual em uma plataforma de e-commerce, nesse momento precisará analisar todas as opções disponíveis para definir qual a melhor para o seu negócio. Sendo assim, é preciso que a plataforma tenha os seguintes componentes para ser adequada:

  • Ter um setor de organização das formas de pagamento e entrega;
  • Ter SAC 24 horas;
  • Permitir o cadastro e a inclusão de produtos;
  • Gerenciar estoque e preços;
  • Proteger as informações pessoais dos clientes e garantir a segurança no envio dessas informações.

Leia mais: Como fazer o controle de estoque da minha empresa?

Caso você queira personalizar a sua loja com mais ferramentas, ter atendimento mais personalizado e outras vantagens, vale a pena investir e criar sua conta em uma plataforma própria.

Escolha um meio de pagamento

Encontrar o melhor meio de pagamento para a sua loja virtual não é fácil, por isso vamos dar algumas dicas:

  • Encontre aquele que oferecer as taxas mais transparentes
  • Evite contratar serviços com letras miúdas, que podem tirar parte do seu lucro
  • Priorize os meios de pagamento com boa usabilidade para você, e também para seu cliente
  • Atente-se ao atendimento da empresa: dê uma conferida em sua nota no Reclame Aqui

A InfinitePay oferece um link de pagamento para você vender online sem dor de cabeça. E ainda é possível gerar a cobrança através de um sistema que automatiza notificações via email e WhatsApp para seus clientes não se esquecerem de pagar pela compra! Confira mais aqui.

Invista em páginas rápidas e responsivas

Páginas responsivas são aquelas que se adequam a todo tipo de dispositivo pelo qual for acessada, garantindo uma boa visualização das informações do site. Também é importante considerar o tempo de resposta, ou seja, até carregar todos os elementos (textuais e imagéticos), para melhorar a experiência do cliente.

Para você ter uma ideia, em celulares, 53% dos usuários abandonam o site se levar mais de três segundos para carregar. No desktop esse tempo é ainda mais curto: 87% das pessoas saem se o carregamento levar mais de dois segundos.

Esses pontos também são importantes para seu site ser encontrado no Google. Isso porque os mecanismos de busca levam em consideração o engajamento do site, fator que indica a relevância de sua loja online. Logo, caso os visitantes não fiquem na página, menos engajamento ele terá e seu site será prejudicado no ranqueamento. Consequentemente, sua loja virtual pode perder vendas e impactar negativamente na saúde financeira do negócio.

Para verificar a velocidade do site, o PageSpeed Insights do Google é uma ótima ferramenta. Ele indica o tempo e quais erros estão deixando seu site mais lento. Algumas dicas para melhorar o tempo de carregamento:

  • Simplifique os elementos e minimize as requisições HTTP;
  • Reduza o tempo de resposta do servidor;
  • Ative a compressão e o caching de navegador;
  • Minimize recursos;
  • Otimize imagens, especialmente para páginas com muitas fotos de produtos;
  • Reduza o número de plug-ins e redirecionamentos.

Analise seus concorrentes

Não basta somente analisar o seu público-alvo e entender quais são as suas necessidades. É preciso também avaliar quais são as lojas que são concorrentes para o seu negócio. Desse modo, você entenderá quais são os pontos fortes e os que podem ser melhorados em seu negócio a partir da concorrência de mercado.

Aqui é importante dizer que não há necessidade de copiar o que os concorrentes estão fazendo. A pesquisa serve como base para entender o quanto o seu negócio está adequado ao mercado que vende os mesmos produtos que você.

Além disso, caso encontre algumas lojas que vendem o mesmo produto por um preço muito mais alto ou baixo não pense em subir ou abaixar os valores do seu sem estudos. É certo que um dos componentes que ajudam a definir os valores do seu produto é o valor de mercado, entretanto esse não deve ser o único e deve ser usado somente como parâmetro para que seja cobrado um valor justo do cliente final.  

Entenda a legislação para e-commerce

Além de todas as etapas descritas acima, é essencial entender qual a legislação vigente para e-commerce no Brasil. Desse modo você poderá regularizar a sua empresa de forma adequada e assim não correr risco de pagar multas ou outras sanções.

Para comércios que funcionam totalmente online, a Lei do E-commerce (Decreto 7.962/13) deve ser seguida. Ela obriga que informações como a razão social, o endereço físico, CNPJ, telefone, formulário de contato e e-mail estejam claros no site. Além disso, na página de cada produto é primordial que todas as informações estejam claras.

Assim, é preciso que estejam detalhadas as medidas e material de fabricação do produto. Também precisam ser detalhadas as opções de pagamento (parcelamentos e juros) e os prazos de entrega.

Por fim, na modalidade e-commerce, o cliente pode se arrepender em até sete dias após a entrega da compra. Desse modo, ele pode devolver o produto sem custo nenhum, sem apresentar nenhuma justificativa desde que o produto esteja em perfeito estado.

Crie um CNPJ

O Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica, ou CNPJ, é um registro que se assemelha a uma certidão de nascimento, só que para empresas (virtual ou estabelecimento físico). Neste sentido, o registro, então, comprova que a empresa existe de fato. Porém, isso não significa que ela pode começar a operar.

Para tal, deve ser feito o registro legal da loja na Junta Comercial do estado ou no Cartório de Registro de Pessoa Jurídica. O registro público da empresa garante alguns direitos, benefícios voltados para incentivar o empreendedorismo, assim como deveres.

O CNPJ, deste modo, garante aos clientes, fornecedores e parceiros a legitimidade legal, pois compras, vendas, notas fiscais e taxas são registradas a ele.

Como mencionado, há os incentivos governamentais, como redução de impostos e acesso a crédito. Sem o devido registro, sua loja virtual seria um fantasma para o Estado, e perderia as transações por desconfiarem de uma possível fraude ou mesmo de uma improbidade fiscal.

Além de não conseguir emitir notas fiscais e parcerias com transportadoras, que exigem o documento, por exemplo, e estar exposto a multas entre outras sanções.

Outro caminho ainda mais simples para ter o CNPJ de sua loja é via MEI, que conta com um modelo simplificado para certificação de seu negócio, valendo muito a pena para pequenos e-commerces.

Leia mais:

Cuidado com o visual. A primeira impressão é a que fica!

Já falamos aqui, mas não custa reforçar: todo cuidado é pouco quando se trata do visual da loja e de como irá expor os produtos. A primeira impressão é a que fica e o visual faz toda diferença para gerar vontade de comprar algo.

Por isso, quem empreende com e-commerce precisa sempre prestar atenção com a estética, assumindo um pouco do cargo de diretor de arte para si. Pense também nas cores para criar um visual coeso e bonito.Essa parte é essencial também para o marketing da sua loja. Afinal, você deve sempre se destacar da multidão, certo?

Achou complexo montar uma loja virtual? Confira um atalho

Entendemos que montar uma loja virtual do zero pode ser trabalhoso, custoso e demorado. Para quem não tem nem tempo nem recurso, a Loja Online da InfinitePay é perfeita: você cadastra seus produtos, cria uma lojinha online e pode compartilhar pelo WhatsApp, email e redes sociais. Seus clientes compram direto do site, sem complicação e você escolhe receber na hora ou em 1 dia útil.

Conheça agora a Loja Online da InfinitePay e não dependa mais de e-commerce!

Criando um plano de marketing completo para sua loja virtual

Depois de deixar pronta toda a estrutura da sua loja virtual, chegou o momento de a tornar conhecida e lucrativa! Para isso você pode investir em marketing digital.

Embora esse segmento do marketing seja muito difundido atualmente, ele ainda não é bem conhecido e utilizado pelas empresas que desejam marcar a sua presença online e assim adquirir mais clientes.

Sendo assim, podemos dizer que o marketing digital é a divulgação de marcas e produtos realizada totalmente online.

Ao contrário da publicidade tradicional, em que as empresas pagavam por espaço para anúncios e não conseguiam comunicar-se diretamente com os clientes, com o marketing as empresas conseguem atingir efetivamente o seu público-alvo.

Sendo assim, podemos citar como benefícios do os seguintes pontos:

  • Interatividade: é possível realizar campanhas e acompanhar em tempo real qual a sua reação por meio de comentários, número de curtidas e opiniões deixadas pelos seguidores;
  • Análise e mensuração: ao realizar campanhas de marketing online é possível a obtenção e análise de dados por meio do ROI (Retorno Sobre investimentos) e o CAC (Custo e Aquisição de Clientes).
  • Mais oportunidades: não importa qual o tamanho da empresa, com o Marketing Digital qualquer uma pode realizar campanhas de ótimo alcance.
  • Direcionamento: ao usar a internet para realizar campanhas é possível para a empresa direcionar a sua campanha especificamente para o seu público-alvo e assim a tornar mais efetiva.

Como realizar estratégias de marketing digital para lojas virtuais?

Como foi dito anteriormente, todas as empresas, de todos os portes, podem realizar estratégias de marketing. Sendo assim, começar a investir em estratégias para tornar a sua loja conhecida é possível investir nas seguintes estratégias:

Inbound marketing

Sinônimo de marketing de atração, o inbound marketing refere-se à criação de uma estratégia em que o objetivo não é encontrar pessoas que podem comprar do seu negócio, ao contrário a estratégia busca fazer com que o público-alvo encontre o seu negócio.

A maneira mais comum de colocar em prática uma estratégia de inbound é através da nutrição de e-mail. Por exemplo: uma loja tem um pop-up exclusivo, onde oferece um desconto em troca do contato da pessoa. Ao se cadastrar para ganhar o desconto, a pessoa se torna um lead. Esse lead vai receber conteúdos estratégicos da loja, incentivando ele a comprar pela primeira vez ou comprar mais vezes.

Ou seja, ele foi atraído por um desconto e se tornou um potencial comprador. Com essa estratégia, você consegue contatos mais qualificados para se tornarem clientes.

Marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo tem como objetivo fazer com que sua marca esteja presente no ponto certo da jornada de compra do seu cliente.

Para isso, o objetivo é produzir conteúdo de qualidade para educar os internautas em relação às funcionalidades do seu produto, mesmo que ele não queira comprar no momento. Isso para que, quando ele se tornar cliente, lembre-se de sua loja. O marketing de conteúdo é normalmente realizado em blogs, e-mail e redes sociais.

Qual a importância dessa estratégia? Educar cada vez seus clientes e se tornar uma fonte confiável no seu nicho. Assim, quando alguém precisar do produto que você vende, irá se lembrar da sua loja.

SEO

O SEO é a estratégia para direcionar tráfego orgânico para a sua loja. É uma estratégia que traz resultados a médio/longo prazo, mas com resultados duradouros e poderosos. Muitos associam SEO a blog, mas é totalmente possível aproveitar essa estratégia para otimizar sua página inicial e as páginas de produtos.

Segundo levantamento da Backlink, os três primeiros resultados (sites) em pesquisa no Google recebem cerca de 75,1% do total de cliques da internet. Dessa forma, otimizar sua loja virtual para SEO significa investir para que ganhe mais visibilidade se destacando nas pesquisas, aumentando o tráfego do site e as vendas online

Vale destacar que esse posicionamento é orgânico: ou seja, além de aumentar as chances de sucesso da sua loja, você economizará recursos com mídias pagas.

Algumas dicas para aproveitar o poder do SEO:

  • Crie títulos das suas páginas de acordo com as palavras-chaves selecionadas. A sua página principal deve ter a palavra-chave principal do seu negócio. Exemplo: “Noiva Especial - Aluguel de vestidos de noiva de luxo”;
  • Coloque boas descrições dos produtos internamente e externamente, também com palavras-chaves. (conhecida como meta descrição);
  • Otimize as imagens para que elas apareçam no Google Imagens;
  • Crie URLs amigáveis e curtas, para os mecanismos de buscas entenderem do que a página se trata.
  • Coloque avaliações de clientes, isso ajuda na construção de autoridade da sua loja.

Trabalhando a palavra-chave

Quando se trata de SEO (para qualquer plataforma, incluindo uma loja online), a palavra-chave deve ser a primeira a ser pensada. Afinal de contas, é por meio dela que o Google – e outros mecanismos de busca – acham sua página e indicam aos usuários. Sendo assim, definir uma estratégia para as palavras-chaves e suas disposições dentro do site é um passo primordial.

Primeiramente, você precisa entender quais termos se encaixam mais com o seu produto ou serviço, assim como, o comportamento dos consumidores. Para isso, é possível utilizar ferramentas online para analisar quais termos são mais buscados, e quais possuem maior volume de páginas. Podemos citar o Search Console, SEMRush, ou até mesmo pesquisando pelo Google.

Após entender e planejar quais termos serão usados, o segundo passo consiste em inseri-los ao longo dos seus anúncios de produtos. Cada título de página, descrição de produtos, precisa de uma palavra-chave diferente. Isso ajuda o SEO a posicioná-las nos resultados dos mecanismos de busca e, consequentemente, dar mais destaque para sua loja online. Tente diversificar os termos entre as páginas da sua loja virtual, assim, você aumenta as chances de sair nas pesquisas.

Por fim, estas são as partes importantes para destacar palavras-chave:

  • URL (amigáveis, descritivas, curtas, diretas e compreensíveis);
  • Títulos das páginas;
  • Meta títulos (títulos das páginas no buscador);
  • Descrição dos produtos dentro da loja;
  • Meta descrições (descrições das páginas no buscador);
  • Nome dos arquivos das imagens (texto alt - texto alternativo, legenda e títulos).

Colaborações com Influenciadores

O marketing de influenciadores permite que você aproveite a relevância dessas pessoas para ajudar sua marca a crescer. Isso ajuda principalmente no início, quando você tem um público pequeno e deseja crescer de forma rápida.

De início, procure por influenciadores pequenos para fazer as parcerias, que costumam sair bem mais barato. Verifique também a taxa de engajamento desses influenciadores para não investir à toa.

Anúncios Pagos

Outra forma de crescimento mais rápida é através dos anúncios pagos. Embora exija um investimento alto, se bem feito, é algo que gera bastante retorno. O Facebook (e também o Instagram) é a maior fonte de receita para lojistas. Mas, para chamar atenção do público, é preciso ser bem criativo nos anúncios.

Para pegar inspirações, utilize o Facebook Ad Library e Instagram for Business, que mostram anúncios de várias empresas. A dica de ouro para lojas virtuais é fazer anúncios de remarketing, já que a grande maioria dos seus visitantes não se tornaram clientes.

No Youtube, você encontra diversos tutoriais que explicam como fazer anúncios de remarketing e como instalar o Pixel do Facebook e do Google na sua loja!

Redes Sociais

Fazer marketing nas redes sociais não se resume a postar uma foto por dia e só. Cada plataforma possui um público específico, mas para lojas virtuais é recomendado se concentrar na qual seu público-alvo se encontra. Nesta seara, uma pesquisa recente constatou que 54% dos consumidores seguem nas redes sociais os perfis das marcas preferidas e 21% buscam essas páginas antes de comprar.

Outra informação relevante é que 80% dos consumidores costumam ler as postagens de outros seguidores antes de efetuar uma compra pela primeira vez. Também é significativa a constatação de que 71% confia plenamente nas avaliações de outros clientes.

Assim, estar presente nas redes sociais, Facebook, Instagram, TikTok, faz toda diferença para gerar tráfego para o seu site, e aumentar conversões. Outra rede interessante é o Pinterest. 85% dos usuários da plataforma visitam o site antes de iniciar novos projetos.

Segundo estudo do CETIC.BR, 57% das empresas pesquisadas utilizam as redes para realizar vendas online. E neste contexto, o Instagram se destaca, ao liderar o comércio nas redes sociais.

Conforme dados divulgados pela própria plataforma, 70% dos consumidores dizem procurar compras no Instagram, enquanto 52% já compraram a partir de descobertas na rede. Outra pesquisa recente constatou que 54% dos consumidores seguem perfis das marcas preferidas, e 21% buscam essas páginas antes de comprar.

Seu negócio

É inegável que a pandemia de COVID-19 impulsionou o e-commerce (ou comércio eletrônico) e mudou o comportamento dos consumidores, tornando as compras online cada vez mais habituais. Em sua origem, o comércio virtual tinha pouca aderência, isso devido à insegurança quanto ao compartilhamento de dados online e à incerteza sobre a entrega. Porém, a otimização dos meios de pagamento, da logística e das certificações digitais provaram que as compras pela internet podem ser seguras, rápidas e práticas.

Além disso, diversas formas de entrega surgiram oferecendo comodidade e conquistando a preferência dos consumidores no mundo inteiro. Aqui no Brasil, o e-commerce vem crescendo anualmente. Quer saber mais? Neste artigo vamos apresentar as principais características do comércio eletrônico e os benefícios que ele pode trazer para o seu negócio. Acompanhe!

O que é e-commerce?

Como o próprio nome indica, o e-commerce é a compra e venda de produtos e serviços por meios digitais. Esses meios podem variar desde uma loja virtual, um marketplace (sua loja dividindo espaço com outras em uma plataforma), ou até mesmo nas redes sociais.

Pela internet é possível vender produtos digitais, serviços ou bens físicos, de forma rápida e cômoda, agilizando os processos e transações de uma empresa.

Alguns dados sobre o e-commerce e seu crescimento no Brasil

O e-commerce vive um momento de verdadeira expansão no Brasil. Para comprovar esse cenário, separamos alguns dados relevantes para você. Confira:

  • O contexto de confinamento estimulou o e-commerce brasileiro. Uma pesquisa mostra que o Brasil ocupa o 6º lugar no crescimento das vendas online;
  • Segundo levantamento da Neotrust, no 3º trimestre de 2023, o e-commerce brasileiro atingiu um faturamento de R$ 35,6 bilhões.
  • Embora esse número represente um aumento modesto de 0,5% em relação ao 2º trimestre de 2023, ele ressalta a solidez contínua do comércio eletrônico no país.

Isso se deve muito à comodidade experimentada e aprovada pelos clientes, o que gerou mais tranquilidade e segurança na hora de fazer compras pela internet.

Principais etapas para vender na internet

Seja qual for o seu negócio, é importante oferecer aos clientes opções de canais de venda online e uma boa experiência digital. Além disso, para vender mais é essencial conhecer as principais ferramentas disponíveis, ter um bom planejamento e uma estratégia bem definida. Nesse sentido, preparamos algumas recomendações fundamentais que vão te ajudar na hora de escolher uma plataforma e começar a vender na internet.

Estude os canais de venda

Existem vários caminhos para vender online e você pode investir em um único canal (como um domínio próprio) ou em uma estratégia multicanal. Algumas das principais opções que o e-commerce oferece são:

  • Redes Sociais (Instagram Shopping, Facebook Shopping, WhatsApp);
  • Marketplaces (Mercado Livre, Shopee);
  • Loja virtual própria;
  • Sites de classificados e anúncios;
  • Grupos e comunidades virtuais.

Analise as tendências e decida o que vender em sua loja

Com o e-commerce, um pequeno negócio pode alcançar diversos perfis de clientes, mas para começar bem no e-commerce, recomendamos a especialização em um segmento. Escolher o que vender na sua loja e especificar o tipo de produto que será vendido te ajudará a entender melhor seu público.

Além disso, conhecer seus consumidores e suas dores é fundamental para descobrir novas formas de atendê-los e diferenciais para sair na frente da concorrência.

Para te ajudar, trouxemos algumas tendências de produtos e serviços que costumam conquistar os consumidores:

  • Equipamentos eletrônicos;
  • Roupas e acessórios;
  • Cursos online;
  • Itens de decoração e artesanato;
  • Produtos esportivos.

Se você já tem um segmento definido, faça então um estudo do mercado e de seus concorrentes. Explore também a estratégia de empresas consolidadas no setor, isso te dará insumos para identificar o seu diferencial.

Escolha sua plataforma de loja online

Há muitas plataformas de hospedagem para lojas online e você deve escolher aquela que oferece todas as funcionalidades que você precisa, como:

  • Design responsivo;
  • Um bom sistema de buscas de produtos;
  • Integração com marketplaces, mídias sociais e serviços de pagamento;
  • Carrinho de compras otimizado e simples para a finalização de uma venda;
  • Possibilidade de inserir cupons de desconto e otimização.

As funcionalidades são muitas, você só precisa escolher uma plataforma que te garanta tudo isso.

Utilize ferramentas de gestão para impulsionar seus resultados

Ao gerir uma loja virtual é importante ter o auxílio de uma ferramenta que facilite a administração do negócio.Os sistemas de gestão são softwares inteligentes que automatizam os processos ao máximo e facilitam as atividades diárias.

Alguns benefícios que você pode usufruir ao usar um sistema como esse são: aumento da produtividade, mais segurança para a empresa, satisfação dos clientes, ganhos sustentáveis e integração setorial.

Outra vantagem de ter uma ferramenta de gestão é a facilidade para consultar dados e ações registradas, permitindo o monitoramento de tudo o que acontece. Isso facilita a tomada de decisões pelos gestores, que terão embasamento em dados e gráficos claros para direcionar a empresa.

Além disso, automatizar processos reduz os erros manuais e, como essas ferramentas são desenvolvidas com base em exigências fiscais, seu negócio fica dentro das normas.

Defina estratégias eficientes de marketing digital

O marketing digital é um método valioso para fortalecer a imagem de uma empresa no mercado e trazer potenciais clientes. Vemos que a internet é o espaço perfeito para manter-se visível ao público-alvo e aumentar o número de vendas, com maior alcance que qualquer outro canal de comunicação atualmente.

Para definir uma boa estratégia de marketing, inicialmente, é preciso definir o público que você deseja trabalhar. Portanto, ter informações sobre os consumidores é a peça fundamental para atrair não só clientes, mas também defensores da marca.

De acordo com as informações do seu público, você pode usar diversas ferramentas para engajá-los, como as redes sociais, e-mail marketing ou mesmo um blog em seu site.

Leia mais: Como conquistar mais clientes com marketing digital?

Elabore um planejamento logístico

É muito importante que exista um bom planejamento logístico para que o comércio eletrônico possa prosperar. O planejamento se torna mais que necessário quando entendemos que toda a experiência ― da compra ao recebimento do produto ― impacta diretamente na satisfação do seu cliente.

E para ter um bom planejamento de logística é preciso conhecer e monitorar todas as etapas que a constituem. Assim, cuidar da logística de um e-commerce consiste em controlar tudo o que está relacionado ao armazenamento, expedição e entrega.

Fique de olho na gestão financeira

Manter o equilíbrio financeiro de qualquer negócio é sempre desafiador e ao mesmo tempo indispensável para que a empresa continue viva e saudável. É preciso alcançar metas, pagar funcionários, impostos e fornecedores e ainda manter a rotatividade dos seus produtos em alta.

E para isso é fundamental que sua empresa tenha um bom planejamento estratégico, organização de despesas, além do controle de vendas e fluxo de caixa.

Uma alternativa para te auxiliar na gestão do seu negócio é usar ferramentas de gestão financeira, como uma planilha de fluxo de caixa, que você acessa gratuitamente por aqui.

Se adequando à Lei do E-commerce

O decreto federal Nº 7.962, de 15 de março de 2013, é a lei que regulamenta as atividades do comércio eletrônico. Além disso, ela descreve quais informações e atividades necessárias para se ter um e-commerce no Brasil. Para te ajudar, destacamos alguns pontos que são fundamentais que toda loja online precisa fornecer para funcionar de acordo com a legislação:

  • Clareza de informações;
  • Suporte ao cliente;
  • Direito de arrependimento;
  • Proibição de venda casada;
  • Proibição de propaganda enganosa;
  • Oferta de segurança ao consumidor;
  • Concorrência saudável.

A lei obriga ainda que informações como a razão social, o endereço físico, CNPJ, telefone, formulário de contato e e-mail estejam claros no site de sua loja. Além disso, na página de cada produto é primordial que todas as informações estejam descritas de modo esclarecedor.

Assim, é preciso que estejam detalhadas as medidas e material de fabricação do produto, por exemplo.Também precisam ser detalhadas as opções de pagamento (parcelamentos e juros) e os prazos de entrega.

Por fim, na modalidade do e-commerce, o cliente pode se arrepender em até sete dias após a entrega da compra. Desse modo, ele pode devolver o produto sem custo nenhum, sem apresentar nenhuma justificativa desde que este esteja em perfeito estado.

Vantagens e desvantagens do comércio eletrônico

Antes de colocar as suas estratégias de venda em prática, é fundamental entender o nicho de mercado que está explorando e observar a dinâmica do mundo digital. Na maioria das vezes, os empreendedores acreditam que determinada área oferece boas oportunidades de negócio. Mas, na verdade, esse setor já apresenta uma concorrência acirrada e para abrir espaço para outras marcas, é preciso implementar boas estratégias.

Por isso, é fundamental realizar uma análise mais complexa dos segmentos de interesse, para identificar se eles guardam boas oportunidades de negócio para os empreendedores que apostam em inovação. E tudo isso pode ser feito prestando um pouco mais de atenção nos pontos fracos e fortes das vendas online.

5 Vantagens do e-commerce

1. Baixo custo inicial de investimento

Ter uma loja virtual pode te proporcionar uma grande economia de recursos em comparação com a manutenção de uma loja física. Imagine uma loja com despesas de aluguel, reformas, consumo e salário para funcionários, como caixa e segurança. A loja online não tem nenhum desses custos. Com toda essa economia, você poderá disponibilizar melhores ofertas, atraindo ainda mais clientes.

2. Possibilidade de vender para todo o país

Uma das maiores vantagens do e-commerce é a flexibilidade e ampliação do alcance do seu negócio. Além de poder vender 24 horas por dia, sua loja fica acessível para os clientes em todo o país, sem contar a possibilidade de exportação.Aumentar assim a abrangência de público, além de trazer maior receita, potencializa a visibilidade e sua loja passa a ser uma opção para mais consumidores.

Imagine uma loja física de placas de sinalização localizada em um bairro conhecido da cidade. Seus clientes serão os moradores do próprio bairro e, talvez, pessoas de regiões próximas que já ouviram falar sobre a qualidade dos seus materiais. Contudo, no comércio digital, essa mesma loja pode atender às demandas do país e, quem sabe, de outros continentes.

3. Diversificação das estratégias de venda

Para aqueles que já têm uma loja física estabelecida, começar uma loja virtual irá dinamizar as vendas e a relação com o cliente. Nesse caso, é fundamental que as campanhas e a comunicação com o público sejam feitas de modo integrado entre o presencial e o online.Usar diversos canais de venda só amplia as possibilidades de fechar negócios e oferece comodidade para os consumidores.

4. Crescimento expressivo do mercado

Como falamos antes, o e-commerce só cresce no Brasil e a pandemia apenas acelerou o processo de migração do canal físico para o digital. Busque se inserir onde seu público está tendo em mente que hoje em dia é praticamente inviável viver offline. Considerando que o público está cada vez mais presente na internet, é fundamental reservar seu espaço no meio virtual e ganhar visibilidade.

5. Maior independência financeira

Montar uma loja online é mais simples e acessível do que muitos imaginam, e é uma forma viável de alcançar a tão desejada independência financeira. Com um nicho bem definido, planejamento estratégico e ferramentas de gestão, seu negócio terá um ótimo retorno e te proporcionará mais liberdade.

Mas, toda essa autonomia traz consigo uma grande responsabilidade. É por isso que o empreendedor deve estar sempre atento à gestão financeira de seu negócio e às tendências do comércio eletrônico.

Existem algumas formas de alavancar o lucro, como escolher os melhores parceiros para o seu e-commerce. A InfinitePay oferece meios de pagamento com taxas transparentes para que você foque sua energia nas vendas. Você pode cobrar de seus clientes via link de pagamento, boleto ou pix, seja a venda feita por site, redes sociais ou WhatsApp.

Desvantagens do e-commerce

Não podemos negar que as lojas virtuais proporcionam maior comodidade ao consumidor. No entanto, a principal desvantagem do e-commerce é justamente essa: a falta de contato do cliente com o produto.

Ao fazer compras pela internet, o consumidor não consegue usar nada além da visão. Ou seja, não pode tocar, sentir ou experimentar o produto que deseja comprar. Nem têm o atendimento atencioso de um vendedor que entende sobre o produto que está vendendo.

Mas esse é um desafio superável. Basta a marca incluir descrições mais detalhadas para que o consumidor consiga visualizar o produto, como se fosse uma vitrine virtual. Por isso, trabalhe com fotografias de qualidade e vídeos apresentando todos os ângulos dos produtos. Essa é uma ótima maneira de sanar possíveis dúvidas dos consumidores.

Além disso, é interessante adotar chats de atendimento online para fornecer soluções relevantes. Outro ponto que vale citar é a concorrência no comércio eletrônico, uma vez que uma loja de São Paulo concorre com outra do Rio de Janeiro, por exemplo.

Por isso, é fundamental analisar o nicho de mercado e buscar opções não tão competitivas. Fique atento aos seguintes pontos:

  • Concorrência;
  • Não poder tocar ou experimentar o produto;
  • Não há contato direto com o vendedor;
  • Entrega mais demorada.

Alternativa ao e-commerce: a Loja Online InfinitePay

Temos uma solução muito fácil para você que deseja vender online, nas redes sociais e por WhatsApp, sem precisar de e-commerce. Vai te custar pouquíssimo tempo e nenhum dinheiro.

Com a Loja Online da InfinitePay, você cadastra seus produtos, seu estoque e o sistema gera um link da sua loja online. Compartilhe o link no Instagram, ou qualquer rede social, envie para seus clientes por e-mail ou WhatsApp. Eles escolhem os produtos e realizam o pagamento ali mesmo. E você ainda pode escolher receber o pagamento na hora ou em 1 dia útil. É muito prático!

Leia mais: Tudo sobre a Loja Online da InfinitePay

Finanças

Com tantas soluções tecnológicas não precisamos mais de uma carteira recheada de cartões ou dinheiro vivo. A era dos pagamentos móveis chegou, e duas soluções de carteiras digitais se destacam no mercado: Samsung Pay e Google Pay. Vamos explorar mais profundamente cada uma dessas opções, suas vantagens, desvantagens e o que cada uma oferece aos usuários.

Leia mais: Carteiras digitais: a forma mais segura de fazer pagamentos?

O que é Samsung Pay?

Lançado em 2015, o Samsung Pay é a resposta da Samsung ao mundo em rápida mudança dos pagamentos digitais. Projetado para ser versátil e seguro, ele veio para transformar os dispositivos da Samsung em verdadeiras carteiras digitais.

Como funciona o pagamento via Samsung Pay?

O usuário deve abrir o aplicativo Samsung Wallet, pré-instalado em dispositivos Samsung compatíveis, e registrar seus cartões de crédito ou débito.

Uso em lojas físicas 

Deslize para cima a partir da parte inferior da tela inicial ou tela de bloqueio, autentique usando impressão digital, íris ou PIN e aproxime o dispositivo do terminal.

Uso online

Não é possível usar o Samsung Wallet para pagamentos online. Para isso, utilize o cartão virtual do seu banco. 

3 vantagens de usar o Samsung Pay

Uma das principais vantagens do Samsung Pay é a sua tecnologia MST (Transmissão Segura Magnética), que emula um sinal de cartão magnético. Isso, combinado com o NFC, significa que é compatível com a maioria dos terminais de pagamento, novos e antigos. Separamos outras vantagens:

1. Integração com dispositivos Samsung 

O Samsung Pay está profundamente integrado a outros dispositivos Samsung, como relógios e tablets, tornando mais fácil e rápido acessar e usar o serviço.

2. Promoções exclusivas 

A Samsung muitas vezes oferece promoções, descontos e recompensas exclusivas para incentivar o uso do Samsung Pay.

3. Interface amigável 

Com um simples deslizar para cima a partir da tela inicial ou tela de bloqueio, o Samsung Pay está pronto para uso.

É seguro usar Samsung Pay? 

O Samsung Pay utiliza tokenização, autenticação biométrica e a plataforma de segurança Samsung KNOX. Isso garante que os detalhes do cartão nunca sejam expostos durante a transação e que, mesmo que o telefone seja perdido, os detalhes bancários permanecem seguros.

Samsung Rewards: Programa de pontos do Samsung Pay

O Samsung Rewards é o programa de recompensas da Samsung para incentivar o uso de vários de seus serviços, incluindo o Samsung Pay. 

Cada vez que você usa o Samsung Pay para fazer uma compra, ganha pontos no programa Samsung Rewards. O número de pontos que você recebe pode variar com base em promoções específicas ou no tipo de compra.

Dica: Utilizando Cartão Virtual Inteligente da InfinitePay, você ganha 1,5% de cashback nas suas compras e usando-o na carteira digital Samsung Pay você tem o benefício em dobro: pontos de utilização do cartão na carteira digital + cashback que devolve 1,5% do valor da suas compra na hora direto na sua conta digital da InfinitePay. 

Leia mais: O que é cashback e o que fazer pra ganhar dinheiro de volta?

O que é Google Pay?

O Google Pay, anteriormente Android Pay, representa a visão do Google para o futuro dos pagamentos digitais. Além de ser uma carteira digital, também serve como uma plataforma para enviar e receber dinheiro entre usuários.

Como funciona o pagamento via Google Pay? 

Operando principalmente via NFC, o Google Pay exige terminais habilitados para essa tecnologia. Para transações online, ele pode ser usado em aplicativos e sites que suportam esta opção de pagamento.

Primeiro, o usuário deve instalar o aplicativo Carteiras do Google, disponível na Play Store para dispositivos Android. Uma vez instalado, você pode adicionar seus cartões de crédito ou débito ao aplicativo.

Uso em lojas físicas

Ative o NFC do seu dispositivo e aproxime-o de um terminal com suporte a NFC. Não é necessário abrir o aplicativo.

Leia mais: O que é NFC no celular

Uso online

Em aplicativos ou sites que suportam Google Pay, selecione essa opção no checkout.

4 vantagens de usar o Google Pay

1. Ampla aceitação com smartphones Android

O Google Pay utiliza principalmente a tecnologia NFC, amplamente adotada em muitos países e em crescente expansão.

2. Integração com o ecossistema Google

Se você já usa serviços como Gmail, Google Play ou YouTube, o Google Pay pode ser integrado facilmente, tornando mais prático realizar transações ou enviar dinheiro.

3. Versatilidade

Além de ser usado em lojas físicas, o Google Pay pode ser usado para fazer compras online em aplicativos e sites, bem como enviar dinheiro para amigos e familiares.

4. Compatibilidade

O Google Pay não está restrito apenas a dispositivos de uma marca específica. Qualquer smartphone Android com capacidade NFC pode usar o serviço.

É seguro usar o Google Pay?

O Google Pay também utiliza a tokenização, o que significa que os detalhes do seu cartão nunca são compartilhados com o vendedor. Ele também se integra com medidas de segurança padrão do Android, como bloqueio de tela, para garantir que apenas o proprietário autorizado do telefone possa fazer transações.

Samsung Pay ou Google Pay: Comparação direta

Ambos são extremamente fáceis de configurar e usar. Enquanto o Samsung Pay pode ser usado em mais terminais devido à MST (Transmissão Segura Magnética), o Google Pay oferece uma experiência mais integrada para aqueles já imersos no ecossistema do Google.

Aceitação no mercado

O Samsung Pay leva vantagem em mercados onde a tecnologia NFC ainda não é dominante. No entanto, à medida que mais comerciantes atualizam seus sistemas para NFC, essa vantagem pode diminuir.

Expansão e futuro

Ambas as plataformas estão em constante evolução. O Google Pay, com sua integração profunda com outros serviços do Google, está posicionado para ser mais do que apenas um serviço de pagamento, enquanto o Samsung Pay pode explorar mais o ecossistema Samsung, como integração com eletrodomésticos e outros dispositivos.

Tecnologia

A diferença tecnológica mais notável é a inclusão da tecnologia MST no Samsung Pay, permitindo que ele funcione em terminais sem NFC. Por outro lado, o Google Pay opera principalmente através do NFC.

Dispositivos compatíveis

O Samsung Pay é exclusivo para dispositivos Samsung, enquanto o Google Pay pode ser usado em uma variedade maior de dispositivos Android.

Integração com outros serviços 

Enquanto o Samsung Pay se concentra mais na integração com hardware e serviços Samsung, o Google Pay tem uma integração mais profunda com serviços Google, oferecendo uma experiência mais integrada para os usuários já imersos no ecossistema do Google.

Aceitação 

Embora o Samsung Pay possa ser usado em mais terminais devido à sua tecnologia MST, o Google Pay, sendo uma solução mais universal, tem uma aceitação mais ampla em termos de parcerias bancárias e regionais.

Interface e experiência do usuário

A experiência do usuário pode variar com base nas preferências pessoais, mas o Samsung Pay é frequentemente elogiado por sua facilidade de acesso através de um deslizar na tela, enquanto o Google Pay é apreciado por sua simplicidade e integração com outros serviços Google.

Quais cartões são aceitos no Google Pay e Samsung Pay?

Google Pay

A aceitação varia de acordo com o país e a região, mas em geral, a maioria dos principais bancos e instituições financeiras suportam o Google Pay. Isso inclui cartões de crédito e débito Visa, MasterCard, American Express, entre outros.

Samsung Pay

Assim como o Google Pay, o Samsung Pay é compatível com a maioria dos grandes bancos e instituições. Ele suporta Visa, MasterCard, American Express, e outros. A disponibilidade pode variar de acordo com a região e o banco em questão.

Cartão Virtual Inteligente com 1,5% de cashback compatível com Samsung Pay e Google Pay

O cartão de crédito online aprovado na hora pré-pago oferecido pela InfinitePay. Uma das grandes vantagens do Cartão Virtual Inteligente é a sua aprovação instantânea online. Isso significa que não é necessário passar por um longo processo de verificação de crédito ou esperar dias pela aprovação. Essa característica o torna acessível para um público mais amplo, incluindo aqueles que podem enfrentar dificuldades em obter cartões tradicionais.

1,5% de Cashback na modalidade crédito

Uma característica atraente do Cartão Virtual Inteligente é o retorno de 1,5% em todas as compras realizadas na modalidade crédito. O cashback, ou "dinheiro de volta", é uma maneira de recompensar os usuários por suas transações, devolvendo-lhes uma porcentagem do valor gasto.

Controle financeiro

O Cartão Virtual Inteligente ajuda no gerenciamento de gastos, já que o usuário pode criar múltiplos cartões para auxiliar na disciplina financeira e evitar descontrole no fluxo de caixa.

Segurança

O Cartão Virtual Inteligente oferece um nível adicional de segurança, pois, mesmo em caso de perda ou roubo, o valor exposto é limitado ao saldo carregado no cartão.

Máquinas de cartões que aceitam Samsung Pay e Google Pay

O Google Pay e Samsung Pay funcionam principalmente através da tecnologia NFC (Comunicação de Campo Próximo). Portanto, qualquer máquina de cartão equipada com tecnologia NFC pode aceitar pagamentos através desses serviços. O Samsung Pay tem uma vantagem adicional de suportar MST (Transmissão Segura Magnética), o que significa que ele também pode funcionar em muitas máquinas que não têm suporte NFC, mas aceitam cartões de tarja magnética.

Tanto o Samsung Pay quanto o Google Pay oferecem soluções robustas para o mundo moderno dos pagamentos móveis. Sua escolha entre eles dependerá de seu dispositivo, seus hábitos de compra e suas preferências pessoais. Independentemente da escolha, o futuro dos pagamentos parece estar firmemente no reino digital.

Quais são as melhores máquinas de cartão que aceitam pagamento por aproximação? 

Transforme o seu negócio com as maquininha da InfinitePay, Conheça a Maquininha Smart, a máquina de cartão mais avançada para suas transações. Ou InfiniteTap, transformando seu celular em maquininha.

Leia mais: Combo InfinitePay: Versatilidade pra lucrar mais!

Por que escolher Maquininha Smart? 

  • Taxas imbatíveis: Com as menores taxas do Brasil, você pode contar com taxas transparentes no débito, crédito à vista ou parcelado. Sem surpresas, prazos ou asteriscos escondidos.
  • Flexibilidade no recebimento: Escolha entre receber na hora ou em até 1 dia útil. Você decide o que é melhor para seu fluxo de caixa.
  • A máquina smart mais avançada: Agilidade e eficiência são essenciais. A Maquininha Smart possui bateria de longa duração, transações rápidas e tudo que você precisa para otimizar suas vendas. E mais: NFC, tela touch, impressora de bobina integrada e 1 ano de garantia. Tudo isso sem aluguel!
  • Conta digital gratuita: Diga adeus à burocracia! Aproveite a comodidade de uma conta digital sem custos adicionais e totalmente intuitiva.
  • Cartão com cashback: Com o cartão digital da Maquininha Smart, cada venda retorna para você. Ganhe 1.5% de cashback em todas as suas transações no crédito.
  • Pix ilimitado e link de pagamento: Mais maneiras de vender e receber! Ofereça Pix ilimitado para seus clientes e utilize link de pagamento para suas vendas online.
Compre com desconto! De R$958,00 por apenas 12x de R$17,90, menos de R$0,60 por dia.

Por que escolher InfiniteTap?

  • Venda sem máquina de cartão

Com o InfiniteTap, você não precisa de uma maquininha física. Seu celular se transforma na ferramenta de vendas mais poderosa! As taxas e os planos de recebimento são os mesmos da Maquininha Smart. 

  • Inovação para usuários iPhone

Uma exclusividade InfiniteTap! Agora os usuários de iPhone também podem vender por aproximação, utilizando o recurso Tap to Pay.

  • Compatibilidade ampliada

Se você possui um Android 10 com NFC ou um iPhone XS (ou modelos superiores) com a última versão do iOS, você já está pronto para vender.

  • Tudo em um único app

Baixe o aplicativo InfinitePay e faça tudo por lá: cadastre-se, realize vendas e gerencie suas transações.

  • Para todos

Seja você uma grande empresa, MEI ou um profissional autônomo, o InfiniteTap é a solução ideal. CNPJ, MEI ou CPF, todos são bem-vindos!

  • Sem custos ocultos

Esqueça taxas de adesão, mensalidades ou tarifas fixas. Com o InfiniteTap, você investe zero e tem retorno máximo!

  • Segurança máxima

Tranquilidade total em suas transações. Utilize a mesma tecnologia NFC e criptografia das maquininhas tradicionais.

Leia mais: Tudo sobre InfiniteTap: seu celular virou maquininha

Pagamentos

Nos últimos anos, o mundo das transações financeiras passou por uma verdadeira revolução. O que antes era feito com cédulas e moedas agora pode ser realizado com uma simples aproximação no celular. Esta transformação foi impulsionada pelo advento dos pagamentos por aproximação, ou contactless, uma tecnologia que trouxe uma nova era de conveniência e segurança para empreendedores e consumidores. Neste artigo, vamos explorar em detalhes o que é o contactless, como receber pagamentos por aproximação no celular e como aproveitar ao máximo essa inovação.

O que é Contactless?

O termo "contactless" se refere a transações que não exigem contato físico entre o dispositivo do pagador e o terminal de pagamento. Em vez de inserir um cartão ou digitar uma senha, os usuários podem simplesmente aproximar seus dispositivos habilitados para contactless, como smartphones ou cartões, do leitor de pagamento para concluir a transação.

Leia mais: O Futuro dos meios de pagamento: A evolução da economia digital

Como Funciona a Tecnologia Contactless

A tecnologia contactless é baseada em Near Field Communication (NFC), a tecnologia por trás dos pagamentos por aproximação. É uma forma de comunicação de curto alcance que permite a transferência de dados entre dispositivos quando estão próximos um do outro, geralmente a uma distância de poucos centímetros. Quando um dispositivo contactless é aproximado de um terminal compatível, os dados de pagamento são transmitidos de forma segura, permitindo a conclusão rápida da transação.

Como Habilitar e Usar o NFC para Transações no seu Dispositivo

A maioria dos smartphones vem com o NFC habilitado por padrão. Para usá-lo em transações, basta garantir que o NFC esteja ativado nas configurações do seu dispositivo. Quando estiver pronto para fazer um pagamento, basta aproximar seu celular do terminal de pagamento e seguir as instruções.

Como Receber por Aproximação no Celular

Receber pagamentos por aproximação no celular é uma maneira prática e moderna de facilitar transações financeiras para seu negócio. Neste guia, explicaremos como receber pagamentos via tecnologia NFC (Near Field Communication) em seu smartphone.

Leia mais: Como passar cartão para receber pelo celular

Siga estes passos simples baixando o app da InfinitePay:

Pagamento por aproximação celular Android

  • Pesquise pelo aplicativo InfinitePay: Primeiramente, abra a Play Store e pesquise por InfinitePay.
  • Opção "Vender com InfiniteTap": Logo após abrir o aplicativo e  se cadastrar, você encontrará a opção "Vender com InfiniteTap". Clique nessa opção para prosseguir.
  • Digite o valor da transação: Insira o valor da transação que deseja realizar.
  • Escolha a forma de pagamento: Agora, você deve escolher a forma de pagamento desejada. Pode ser débito ou crédito, à vista ou parcelado. Pressione "Avançar". 

A simplicidade é a chave aqui, e o processo é tão fácil quanto parece.

  • Aproxime o cartão ou celular com cartão digital: Neste ponto, é a vez do seu cliente. Eles devem aproximar o cartão ou o celular com cartão digital na parte traseira do seu celular. As áreas normalmente são na bateria ou perto da câmera.
  • Aguardar por alguns segundos: A aproximação deve ser mantida por alguns segundos enquanto a transação é processada. É uma experiência rápida e intuitiva!

Em algumas situações, para concluir a transação, seu cliente pode ser solicitado a seguir algumas instruções adicionais exibidas na tela, como digitar uma senha, especialmente se a venda for maior que R$ 200. Todo o processo é criptografado, garantindo a segurança nos pagamentos assim como na maquininha. Após a confirmação da transação, você receberá o pagamento por aproximação na sua conta InfinitePay. Confira como ter uma maquininha de cartão no celular.

Pagamento por aproximação celular iPhone 

Agora é possível aceitar pagamentos por aproximação pelo iPhone no aplicativo da InfinitePay. 

Lembrando que, independentemente do dispositivo que você usa, os pagamentos por aproximação oferecem uma maneira rápida, segura e conveniente de realizar transações financeiras

  • Pesquise pelo aplicativo InfinitePay: Primeiramente, abra a Apple Store pesquise por InfinitePay. É o primeiro aplicativo no Brasil a aceitar pagamentos de cartão no iOS.
  • Opção "Vender com Tap to Pay no iPhone": Logo após abrir o aplicativo e  se cadastrar, você encontrará a opção "Tap to Pay no iPhone". Clique nessa opção para prosseguir.
  • Digite o valor da transação: Insira o valor da transação que deseja realizar.
  • Escolha a forma de pagamento: Agora, você deve escolher a forma de pagamento desejada. Pode ser débito ou crédito, à vista ou parcelado. Pressione "Avançar". 
  • Aproxime o cartão ou celular com cartão digital: Neste ponto, é a vez do seu cliente. Eles devem aproximar o cartão ou o celular com cartão digital na frente, perto do lugar indicado na tela.
  • Aguardar por alguns segundos: A aproximação deve ser mantida por alguns segundos enquanto a transação é processada. Após a confirmação, o dinheiro pode cair na sua conta na hora ou em um dia útil dependendo do seu plano de recebimento.

A segurança nos pagamentos por aproximação

A segurança dos pagamentos por aproximação é uma preocupação fundamental para empreendedores e consumidores. Aqui estão alguns tópicos que abordam os aspectos de segurança relacionados a esse método de pagamento:

Como a tecnologia NFC (Near Field Communication) utilizada em pagamentos por aproximação assegura a proteção dos dados transmitidos?

A tecnologia NFC emprega criptografia para proteger os dados transmitidos entre o dispositivo do cliente e o terminal de pagamento durante transações por aproximação.

Os dados financeiros do cliente são armazenados no dispositivo do vendedor ou do cliente durante uma transação por aproximação?

Não, os dados financeiros do cliente não são armazenados nos dispositivos durante a transação, o que reduz o risco de acesso não autorizado.

Em transações de alto valor com cartão por aproximação, é sempre necessário digitar uma senha ou usar autenticação biométrica?

Em transações de alto valor ou situações específicas, pode ser necessária a autenticação adicional, como a digitação de uma senha, para garantir a identidade do usuário.

Como empresas de pagamento e instituições financeiras lutam contra atividades fraudulentas em pagamentos por aproximação?

Essas empresas implementam sistemas de monitoramento de fraudes para detectar e prevenir atividades fraudulentas. Assim como, utiliza-se o mesmo sistema de criptografia e segurança da maquininha para as transações financeiras serem efetuadas pelo celular

Por que é importante manter o software do terminal de pagamento e dos dispositivos atualizado?

Manter o software atualizado é crucial para garantir a segurança contínua dos pagamentos por aproximação, por isso, as empresas responsáveis por esse tipo de tecnologia precisam respeitar regras criteriosas e atualizar seus sistemas para garantir a segurança dos seus clientes e dos seus compradores.

A segurança dos pagamentos por aproximação é responsabilidade de quem?

A segurança dos pagamentos por aproximação é uma responsabilidade compartilhada principalmente pelas instituições financeiras e o Banco Central. Porém existem práticas a serem seguidas tanto pelos vendedores como por seus clientes, todos devem estar cientes das melhores práticas de segurança.

A tecnologia contactless é suscetível à clonagem de cartões?

Não, a tecnologia contactless é projetada para proteger contra a clonagem de cartões, tornando difícil para os criminosos replicarem as informações do cartão.

Empresas envolvidas em pagamentos por aproximação devem seguir algum padrão de segurança específico?

Sim, empresas envolvidas em pagamentos por aproximação devem cumprir rigorosos padrões de segurança estabelecidos pela indústria para garantir a integridade das transações.

Benefícios dos pagamentos por aproximação

Os pagamentos por aproximação oferecem uma série de benefícios significativos para empreendedores, consumidores e o setor financeiro como um todo. Abaixo, destacamos os principais benefícios dessa tecnologia:

  • Conveniência: Os pagamentos por aproximação são extremamente convenientes, pois eliminam a necessidade de carregar dinheiro físico ou cartões. Basta aproximar o dispositivo habilitado para contactless do terminal de pagamento para concluir a transação.
  • Velocidade: As transações contactless são notavelmente rápidas, levando apenas alguns segundos para serem concluídas. Isso economiza tempo tanto para o empreendedor quanto para o cliente, reduzindo as filas nos pontos de pagamento.
  • Segurança: A tecnologia contactless é altamente segura. Os dados de pagamento são criptografados durante a transmissão e não são armazenados no dispositivo, tornando mais difícil para os criminosos acessarem informações sensíveis.
  • Versatilidade: Os pagamentos por aproximação podem ser usados para uma ampla variedade de transações, desde compras em lojas físicas até pagamento de transporte público, pedágios e até mesmo em máquinas de venda automática.
  • Rastreabilidade: As transações contactless são registradas eletronicamente, o que torna mais fácil para os empreendedores rastrearem e gerenciarem suas finanças e receitas. Isso pode simplificar o controle financeiro e a contabilidade.
  • Redução de Erros: Como os pagamentos por aproximação são automáticos, há menos chance de erros de pagamento devido a troco incorreto ou falhas humanas.
  • Inovação e Competitividade: Adotar pagamentos por aproximação pode tornar seu negócio mais atraente para clientes que valorizam a tecnologia e a conveniência. Isso pode aumentar sua competitividade no mercado.
  • Economia de Tempo e Recursos: Com menos necessidade de gerenciar dinheiro físico e processar transações em papel, os negócios podem economizar tempo e recursos administrativos.
  • Acesso a Dados de Compra: Para empreendedores, os pagamentos por aproximação podem fornecer informações valiosas sobre os hábitos de compra dos clientes, ajudando a personalizar ofertas e melhorar a experiência do cliente.
  • Amigável para o Meio Ambiente: A redução do uso de recibos em papel e notas físicas pode contribuir para a redução do desperdício de papel e, assim, para a sustentabilidade ambiental.
  • Adoção Crescente: À medida que a tecnologia contactless se torna mais difundida, os consumidores estão cada vez mais dispostos a utilizá-la, o que pode impulsionar as vendas para empreendedores que a aceitam.

Os pagamentos por aproximação no celular estão transformando a forma como fazemos negócios e lidamos com as finanças no dia a dia. Ao aproveitar essa tecnologia, você pode simplificar suas transações, proporcionando uma experiência mais conveniente aos seus clientes e melhorando a eficiência dos seus negócios. Esteja preparado para o futuro e adote os pagamentos por aproximação no seu empreendimento hoje mesmo.

Leia mais:

fique ligado

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.

infinitebank