Como funcionam os juros da maquininha?

Como funcionam os juros da maquininha?

O que são os juros da maquininha? Como funcionam e como calcular? É errado cobrar mais caro em vendas no crédito? Descubra tudo aqui!

21/08/2023

8

ionicons-v5-e
Copiar link
Copiado!ㅤ

Quando você pensa em aceitar pagamentos com cartão, a facilidade e comodidade geralmente vêm à mente. No entanto, existem vários fatores e custos associados, sendo um deles os "juros da maquininha".

Este artigo te explicará com clareza como esses juros funcionam, quais são suas taxas e quem, no final, é responsável por pagá-los.

Ter um entendimento claro sobre o assunto ajudará a tomar decisões mais estratégicas, garantindo o bom funcionamento de seu negócio, uma boa margem de lucro e a satisfação de seus clientes.

O que são os juros da maquininha?

Os juros da maquininha são taxas cobradas pelas operadoras de cartão sempre que um pagamento é processado utilizando um desses dispositivos.

Esses juros são geralmente maiores quando uma venda é realizada a prazo, ou seja, quando o cliente opta por parcelar a compra. As taxas variam conforme o número de parcelas escolhidas e a operadora em questão.

Esses juros são uma maneira das operadoras de cartão compensarem o risco associado à venda parcelada. Quando o cliente opta por essa modalidade, o lojista recebe o valor integral da venda de forma antecipada, enquanto a operadora de cartão assume a responsabilidade de coletar as parcelas futuras do comprador.

É errado cobrar juros no cartão de crédito?

Não é necessariamente errado cobrar juros no cartão de crédito. Essas taxas atuam como uma compensação para as empresas de cartão pelo risco e pelo serviço de financiamento que proporcionam. Contudo, é fundamental que os juros sejam aplicados de maneira transparente e justa.

Se você optar por aumentar o valor das suas vendas parceladas, é importante que você informe seus clientes sobre as taxas de juro aplicáveis para garantir que eles estejam cientes desses valores antes de finalizar a compra.

Quais são os juros da maquininha?

As taxas de juros da maquininha variam de acordo com a operadora do cartão e o plano escolhido pelo comerciante.

Geralmente, quanto maior o número de parcelas, maior a taxa de juros. Muitas operadoras oferecem um simulador em seus sites para que os lojistas possam calcular os juros de acordo com diferentes cenários.

É importante lembrar que além dos juros por parcelamento, existem outras taxas associadas, como taxa de adesão, mensalidade da máquina e taxas por transação.

Para otimizar o custo-benefício, é recomendável comparar as taxas de diferentes operadoras antes de firmar um contrato.

A Maquininha Smart é uma opção com juros baixos e sem taxa de adesão ou mensalidade

A Maquininha Smart, maquina de cartão da InfinitePay, é a maquininha com as melhores taxas do Brasil. Você pode conferir todas as taxas clicando aqui.

Além disso, com a Maquininha Smart, você só paga quando vender – a maquininha não tem mensalidade ou aluguel. 

Você pode calcular as taxas do parcelamento diretamente por ela ou pelo aplicativo da InfinitePay. É transparência total pra você sempre saber exatamente quanto receberá em cada venda.

Quem paga os juros da maquininha: você ou seu cliente?

O lojista e o cliente têm flexibilidade na determinação de quem pagará os juros da maquininha.

Geralmente, quando o cliente opta por parcelar sua compra sem juros, é o lojista quem assume esse custo. No entanto, em situações em que os juros são repassados ao cliente, o valor das parcelas aumenta.

Essa decisão é estratégica e deve ser baseada no perfil de clientes, na margem de lucro dos produtos e nas práticas comuns do mercado em que o negócio atua.

Alguns lojistas absorvem os juros como uma forma de incentivo à compra, enquanto outros preferem repassar esses custos ao cliente.

Como calcular os juros da maquininha?

Para calcular os juros da maquininha, é essencial ter em mente a taxa percentual que a operadora cobra sobre a venda parcelada. Multiplicando o valor da venda por essa taxa, obtém-se o valor dos juros. Se quiser facilitar sua vida, use nossa calculadora de taxas.

Por exemplo, se uma operadora cobra 5% de juros para um parcelamento em 3 vezes e a venda foi de R$ 100, o juro seria de R$ 5.

Outra maneira de calcular é usar ferramentas online ou aplicativos fornecidos pelas próprias operadoras, que oferecem simulações e cálculos automáticos baseados nas condições de venda inseridas pelo usuário.

Como mencionamos, com a Maquininha Smart, você consegue calcular o valor das suas taxas pela calculadora que está disponível na maquininha ou no aplicativo da InifinitePay. Clique aqui e veja como a calculadora de taxas funciona.

Com a InfinitePay, você também consegue antecipar o recebimento das vendas sempre que desejar. Essa é uma alternativa muito vantajosa para quem precisa de capital de giro ou quer simplesmente aumentar o fluxo de caixa.

Com uma boa máquina de cartão, como a da InfinitePay, você consegue acelerar o lucro do seu negócio e crescer mais rápido sem precisar se preocupar com taxas abusivas das transações.

fique ligado

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.