Imagem que ilustra artigo sobre a história da Cat Toys Pet mostra os proprietário da marca, Victor e Priscila, de camiseta preta, fundo branco, segurando um gato cada um e sorrindo

Cada negócio, uma história - Cat Toy Pets: o amor por felinos que virou negócio com a InfinitePay

Descubra a história de Priscila e Victor, de Fortaleza a SP, criando a Cat Toy Pets do zero, sem qualquer experiência prévia no mercado de felinos

Copiar link

Priscila Oliveira, 28 anos, e Victor Almeida, 30 anos, são os fundadores da Cat Toy Pets, empresa de móveis para gatos que atende clientes do Brasil inteiro. Originários de Fortaleza, Ceará, eles trouxeram seu negócio e sua vida para São Paulo.

O casal conversou com a InfinitePay para o projeto "Cada negócio, uma história", compartilhando sua jornada empreendedora que, como muitas outras, começou em meio a uma crise: a ideia da Cat Toy Pets nasceu depois de Victor ter sido demitido de seu emprego. Com vontade de criar algo próprio, ele e Priscilla deram os primeiros passos rumo à realização desse sonho.

Passado empreendedor

Antes de fundar a Cat Toy Pets, eles já haviam experimentado 3 vezes o caminho empreendedor. Enfrentaram fracassos e aprenderam valiosas lições ao longo do caminho. "Eu trabalhava numa empresa, e sempre pensava quando teria meu próprio negócio? Aí, eu fui pra Fortaleza e comecei a vender camisetas", recorda.

Enquanto Victor explorava esse mercado, Priscila estudava Psicologia em São Paulo. No entanto, se animou com a ideia de trabalhar com Victor.

"De início, eu queria clinicar, mas depois que a Cat Toy Pets entrou na minha vida, eu esqueci de tudo e me dediquei completamente à empresa."

O que começou como uma resposta à demissão de Victor logo se transformou em um incentivo para criar produtos de qualidade para os amantes de gatos, construindo um negócio duradouro e significativo.

Como tudo começou

A Cat Toy Pets não teve uma grande estrutura ou investimento logo no começo. A primeira venda aconteceu em 2020, como relembra Victor. "A gente fez as caminhas para os nossos gatos e postou nas redes sociais - e a galera gostou. Aí, a gente comprou umas madeiras para fazer para vender. Foi então que começou a Cat Toy Pets."

Essa venda não foi apenas um marco, mas também um incentivo para continuar. Eles começaram do zero sem experiência nenhuma na área de móveis para gatos. A sala virou fábrica, amigos e família ajudaram na execução para cumprir prazos. Com isso, expandiram sua linha de produtos e começaram a experimentar diferentes técnicas de fabricação. O feedback positivo dos clientes os impulsionou a aprimorar cada vez mais suas criações. Já na segunda semana de empresa venderam 12 unidades.

Pouco tempo depois, Priscila se viu diante de uma escolha: aceitar uma proposta de emprego ou permanecer na Cat Toy Pets, apostando no crescimento do negócio. A sábia orientação do pai de Priscila ressoou profundamente: "Fique com seu esposo, construa as casinhas, e vocês ainda vão ser uma grande empresa." Essa simples frase foi o combustível que impulsionou o casal a seguir em frente.

A ligação de Priscila com os gatos

Priscila sempre teve um amor especial por gatos. Desde criança, ela se encantava com a graça e independência desses animais. Esse amor só cresceu ao longo dos anos.

"Sempre tive gatos desde que me entendo por gente, aprendi a amar os animais com meu pai. Minhas memórias mais incríveis são eu e ele na rua, pegando caixa de gato abandonada."  

Esse vínculo especial inspirou-a a criar produtos que não apenas atendessem às necessidades dos felinos, mas também refletissem o carinho e cuidado que ela tinha por eles. 

"Sou apaixonada por gatos. Quando peguei a Jéssica, ela estava grávida, e aí ficamos com um filhotinho. A Jéssica e a Melanina foram nossas primeiras clientes. Tudo que fazíamos, testávamos com elas. Só vendemos o que é aprovado por eles, nossos gatos", diz Priscila.

Cada peça produzida pela Cat Toy Pets é mais do que um objeto; é uma expressão da dedicação de Priscila e Victor aos gatos. Caminhas, casinhas e arranhadores, cada item é projetado com foco no conforto dos felinos - e hoje eles têm três: Jéssica, Melanina e Chaves. 

O processo de construir as casinhas, desde o planejamento até a execução, mistura prazer e muito esforço. Noites sem dormir e dias cansativos foram comuns no início da Cat Toy Pets. No entanto, a alegria de ver seus clientes felizes e satisfeitos compensava cada momento exaustivo. Eles são um lembrete inspirador de que amor e trabalho árduo ajudam uma empresa a crescer.

A importância da gatificação 

Os gateiros, como são carinhosamente conhecidos os apaixonados por gatos, formam uma comunidade vibrante, unida por um amor incondicional por seus felinos. Além disso, a diversidade dentro da comunidade dos gateiros é amplamente reconhecida, e reflete a universalidade do amor pelos gatos, que transcende barreiras sociais, culturais e demográficas.

A Cat Toys Pets oferece produtos que enriquecem a vida dos gatos, a chamada gatificação, ou seja, a adaptação do ambiente para proporcionar estímulos naturais aos felinos. A gatificação é  mais do que apenas uma questão de entretenimento; é essencial para o bem-estar físico e emocional dos bichanos.

"A gatificação ajuda os gatos a poderem usar seu instinto natural em segurança. Quanto mais locais eles podem acessar, mais saudável eles serão", ressalta Priscila. Além disso, a gatificação pode beneficiar não apenas os gatos, mas também seus tutores. "A gente coloca cinco prateleiras e o gato já tá lá em cima, não vai incomodar você na sua mesa, no sofá, então é bom pra todo mundo, né?". 

Ao fornecer aos gatos espaços próprios para explorar e descansar, os tutores podem proteger seus móveis e objetos pessoais, ao mesmo tempo em que fortalecem o vínculo com seus animais de estimação.

O começo das vendas nas redes sociais e a InfinitePay

Não é segredo que as redes sociais são uma poderosa ferramenta para empreendedores alcançarem novos clientes e expandirem seus negócios. Para Victor e Priscila, da Cat Toy Pets, essa realidade não poderia ser mais evidente. O casal encontrou no Facebook e no Instagram dois canais para compartilhar sua paixão por brinquedos para gatos e impulsionar suas vendas de forma exponencial.

"Tudo começou quando decidimos gravar vídeos para as redes sociais, entrando na onda dos desafios e tendências do momento, como TikTok", relembra Victor.

Com sua energia contagiante e danças descontraídas, o casal conquistou a atenção dos seguidores, gerando engajamento e interesse pelos produtos da Cat Toy Pets. "As pessoas se conectam não apenas com os produtos, mas também com a história por trás deles", observa Priscila. Essa abordagem autêntica e envolvente tornou-se a marca registrada da empresa, estabelecendo um vínculo genuíno com sua audiência.

O link da InfinitePay para vender parcelado

Os proprietários da Cat Toy Pets viram na InfinitePay uma oportunidade de impulsionar suas vendas e simplificar suas transações comerciais.

"Começamos a usar o link da InfinitePay porque tínhamos vendas fora de São Paulo, e a maioria das pessoas queria parcelar. O link facilitou demais pra gente, além da taxa ser a melhor." 

Conheça mais sobre o link de pagamento da InfinitePay

À medida que a jornada da Cat Toy Pets continua, Victor e Priscila estão mais perto de alcançar a tranquilidade e vida que tanto sonharam como empreendedores: "O nosso desejo é ter uma vida tranquila, poder viajar e viver bem aqui. A gente não almeja ser uma empresa gigante e entregar pro mundo inteiro porque a gente gosta de se conectar com o cliente", complementa Victor.

Depoimento em vídeo

Confira o vídeo completo da entrevista de Priscila e Victor no YouTube para mergulhar ainda mais no mundos dos gatos e como eles vivem melhor com soluções como as da Cat Toy Pets:

LINK DE PAGAMENTO

Receba com segurança de qualquer lugar

Impulsione suas vendas no WhatsApp e redes sociais com o link de pagamento favorito de quem vende online

fique ligado

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.

Imagem de uma pessoa segurando um smartphone exibindo a tela de gestão de cobranças com gráficos de faturamento semanal.