Lucro real e lucro presumido: Uma mulher sorridente em um ambiente de escritório segurando alguns papéis

Lucro real e lucro presumido: qual é o melhor para o seu negócio?

Descubra as diferenças entre os regimes de lucro real e lucro presumido, e saiba qual deles pode reduzir seus impostos

Copiar link

Ao abrir um negócio, é preciso escolher um regime tributário. Essa escolha é importante, pois impacta diretamente o valor dos impostos que a empresa pagará. Dois dos regimes mais comuns são o lucro real e o lucro presumido.

O que é lucro real?

No regime de lucro real, a base de cálculo dos impostos é o lucro efetivo da empresa. Para calcular o lucro real, é preciso considerar todas as receitas e despesas da empresa no período.

As receitas são todas as entradas de dinheiro no caixa da empresa, como vendas, recebimentos de clientes, juros, etc. As despesas são todas as saídas de dinheiro do caixa da empresa, como salários, aluguel, impostos, etc.

O lucro real é um regime mais complexo, pois exige que a empresa tenha um controle rigoroso de suas receitas e despesas.

O que é lucro presumido?

No regime de lucro presumido, a base de cálculo dos impostos é uma estimativa do lucro da empresa. Essa estimativa é feita com base na receita bruta da empresa e em uma alíquota presumida.

A alíquota presumida varia de acordo com o setor da empresa. Por exemplo, para empresas do setor de comércio, a alíquota presumida é de 8%.

O regime de lucro presumido é um regime mais simples, pois não exige que a empresa tenha um controle tão rigoroso de suas receitas e despesas.

Qual a diferença entre lucro real e presumido?

A principal diferença entre lucro real e presumido é a forma de calcular a base de cálculo dos impostos. No lucro real, a base de cálculo é o lucro efetivo da empresa, enquanto no lucro presumido, a base de cálculo é uma estimativa do lucro da empresa.

Outra diferença entre os dois regimes é a complexidade. O lucro real é um regime mais complexo, pois exige que a empresa tenha um controle rigoroso de suas receitas e despesas. O lucro presumido é um regime mais simples, pois não exige que a empresa tenha um controle tão rigoroso de suas receitas e despesas.

Qual paga menos imposto: lucro real ou presumido?

A resposta para essa pergunta depende de vários fatores, como o setor da empresa, a sua receita e o seu lucro efetivo.

Em geral, o lucro real é um regime mais vantajoso para empresas com lucros elevados. Isso ocorre porque o lucro real permite que a empresa aproveite a dedução de despesas.

O lucro presumido é um regime mais vantajoso para empresas com lucros baixos ou médios. Isso ocorre porque o lucro presumido é um regime mais simples e com uma alíquota presumida mais baixa.

Para quem é indicado o lucro real?

O lucro real é indicado para empresas com lucros elevados, pois permite que a empresa aproveite a dedução de despesas.

Além disso, o lucro real é indicado para empresas que:

  • Possuem um controle rigoroso de suas receitas e despesas;
  • Possuem operações internacionais;
  • Realizam investimentos no exterior;
  • Possuem atividades sujeitas a tributação especial.

Para quem é indicado o lucro presumido?

O lucro presumido é indicado para empresas com lucros baixos ou médios, pois é um regime mais simples e com uma alíquota presumida mais baixa.

Além disso, o lucro presumido é indicado para empresas que:

  • Não possuem um controle rigoroso de suas receitas e despesas;
  • Não realizam operações internacionais;
  • Não realizam investimentos no exterior;
  • Não possuem atividades sujeitas a tributação especial.

Quais as desvantagens do lucro presumido?

A principal desvantagem do lucro presumido é que a empresa não tem a flexibilidade de abater despesas. Isso pode resultar em um pagamento de impostos maior do que o necessário.

Outra desvantagem do lucro presumido é que a empresa pode ter que pagar impostos mesmo que não tenha lucro. Isso ocorre porque a alíquota presumida é aplicada sobre a receita bruta, mesmo que a empresa tenha tido prejuízos.

Leia mais: 5 dicas para aumentar o lucro da sua empresa

A escolha entre lucro real e presumido é uma decisão importante que deve ser tomada com cuidado. É importante avaliar todos os fatores envolvidos, como o setor da empresa, a sua receita e o seu lucro efetivo.

Se você estiver em dúvida sobre qual regime é o melhor para o seu negócio, é recomendável consultar um contador.

VENDA SEM MAQUININHA

Máquina de cartão grátis no celular

Venda por aproximação sem maquininha, com o recebimento mais rápido e as melhores taxas do Brasil

fique ligado

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.

Imagem de uma pessoa segurando um smartphone exibindo a tela de gestão de cobranças com gráficos de faturamento semanal.